X
X

Como sei que o meu filho já desenvolveu a autoconsciência?

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Além da curiosidade dos pais, há décadas a psicologia do desenvolvimento se pergunta quando, por que e como as crianças desenvolvem a autoconsciência. No livro “O Mundo Interpessoal do Bebê”, publicado em 1985, o psicólogo e pesquisador Daniel Stern tirou conclusões de seus experimentos com bebês e crianças pequenas e apresentou a primeira evidência de autoconsciência em crianças.

X
banner kinedu desenvolvimento

Em um de seus experimentos comportamentais, ele colocou crianças de 12 a 30 meses de idade na frente de um espelho e, sem que as elas percebessem ou soubessem, ele marcou seus rostos com um pouco de blush. Ele observou que, diante de um espelho, crianças menores de 18 meses não percebiam que o que estava na frente delas era o próprio reflexo. Por outro lado, muitos dos que tinham mais de 18 meses, quando viram o rosto pintado no reflexo, imediatamente tocaram no próprio rosto ao invés de tocar no espelho. Graças a essas descobertas, sabemos agora que as crianças experimentam mudanças significativas na capacidade de autoconsciência entre dois e três anos de idade.

Há muitas maneiras pelas quais o seu filho demonstrará sua autoconsciência. Por exemplo, quando ele começar a usar pronomes pessoais para se referir a ele mesmo, quando disser do que gosta e do que não gosta, quando mostrar preferências por roupas, comidas, animais ou personagens, quando usar os nomes de pessoas que já conhece, inclusive ele mesmo e, mais tarde, durante o desenvolvimento socioafetivo, quando ele estiver interessado em ter amigos e se aventurar a compartilhar seus brinquedos e mostrar empatia.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

bilinguismo

O bilinguismo e o cérebro

Muitos pais conhecem os benefícios que o aprendizado de mais de um idioma pode ter no futuro de uma criança.

Deixe seu comentário!