X
X
como lidar com a ansiedade de separação

Ansiedade de separação: o que é e como lidar

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

A maioria das crianças desenvolve ansiedade de separação em torno dos 12 meses de idade. Essa sensação é diferente para cada criança, mas, de uma maneira geral, isso significa que elas ficam chateadas quando a mãe ou o pai os deixa com outra pessoa. Na prática, a ansiedade de separação é uma parte natural da primeira infância – mas isso não a torna menos preocupante!

Se suas necessidades estão sendo atendidas, a maioria dos bebês com menos de seis meses não tem problemas em ficar perto de outras pessoas. Mas entre os quatro e os sete meses, os bebês desenvolvem um senso de permanência do objeto. Por isso, eles começam a entender que as coisas e as pessoas existem mesmo quando não podem vê-las.

Então, é quando seu bebê começa a entender que, quando ele não pode vê-la, significa que você decidiu ir embora. Como os bebês não entendem o conceito de tempo, eles não sabem quando – ou se – você retornará, e isso os incomoda.

X
banner kinedu desenvolvimento

Como lidar com a ansiedade de separação

Entender o que seu filho está sentindo e ter uma estratégia para lidar com ele pode ajudar vocês dois. Aqui estão algumas dicas para ajudar você e o seu bebê a superarem a ansiedade de separação.

  • Atenda as necessidades básicas primeiro: se despedir será pior se o seu bebê estiver com fome, cansado ou doente;
  • Seja específica: quando for explicar ao seu filho que você vai voltar, use palavras fáceis de entender. Por exemplo, ao invés de dizer um horário específico, diga “antes de anoitecer”, “depois da sua soneca” ou outras dicas que ele entenderá;
  • Seja calma: demonstre confiança e fique calma ao sair, sem deixar de reforçar que você irá voltar;
  • Se despeça rapidamente: isso ajudará na transição. Se você prolongar a despedida e permanecer por perto, a ansiedade também permanecerá por mais tempo;
  • Estabeleça uma rotina: tente se despedir da mesma forma todos os dias – ser consistente ajudará o seu bebê a compreender o que está acontecendo;
  • Ganhe a confiança dele: mantenha suas promessas. Volte na hora que você disse que voltaria para conquistar a confiança do seu bebê e evitar contratempos futuros;
  • Pratique a separação: dê ao seu filho uma chance de desenvolver sua independência. Outra opção é mandá-lo para a casa dos avós ou organizar encontros para ele brincar com outras crianças.

Sugestão de livros

É recomendável que você converse regularmente com o seu filho sobre ansiedade de separação. Um bom livro infantil que aborde o tema pode ajudá-la com isso. Seu filho aprenderá a identificar seus sentimentos por meio dos personagens e das situações da história, especialmente se vocês conversarem sobre isso depois. Aqui estão duas sugestões”

  • “Are you my mother?”, de P. D. Eastman, é um ótimo livro para crianças! Este clássico conta a história de um passarinho que está procurando por sua mãe, perguntando a todos ao seu redor se eles são sua mãe. No final, ele felizmente encontra sua mãe real!
  • “I love you all day long”, de Francesca Rusackas, é especialmente útil para preparar seu filho para o primeiro dia de aula, mas pode ser facilmente aplicado a todas as situações! Esta história vai lembrar seu filho que, mesmo se você estiver distante, você ainda o ama o dia todo.

Você tem recomendações de livros para ajudar outros pais a lidar com ansiedade de separação? Então compartilhe-as nos comentários! Continue nos acompanhando para saber mais sobre as vantagens de ler para o seu pequeno e ver boas sugestões de livros para ele! E se estiver com dúvidas sobre como desenvolver o gosto pela leitura no seu filho, siga as instruções do nosso blog! 

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

bilinguismo

O bilinguismo e o cérebro

Muitos pais conhecem os benefícios que o aprendizado de mais de um idioma pode ter no futuro de uma criança.

Deixe seu comentário!