X
X

Pragmática: ensinando habilidades de comunicação social

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Às vezes, nos esquecemos de falar sobre um componente muito importante da linguagem: a pragmática, ou as regras de uso dependendo da situação e dos interlocutores. Também conhecida como comunicação social, a pragmática inclui expressões faciais, gestos, o que é dito e quando é dito. Conhecer e seguir essas regras é essencial para uma comunicação eficaz entre as pessoas.

Existem três importantes habilidades de comunicação social que você pode ensinar ao seu filho:

1. Diferentes usos da linguagem: informar, perguntar ou pedir implica uma maneira diferente de se comunicar.

X
banner kinedu desenvolvimento

2. Adaptar a linguagem ao ouvinte e à situação: precisamos conversar de maneira diferente com uma criança ou com um adulto, omitindo detalhes quando a pessoa já sabe o que está sendo falado ou falar de forma diferente, dependendo de onde estamos.

3. Seguir as regras de conversação: isso inclui respeitar a vez de alguém falar, não mudar de assunto, saber o quão perto você deve ficar de alguém quando fala, etc.

É normal e esperado que as crianças quebrem essas regras enquanto se familiarizam com elas. Algumas não sabem filtrar o que dizem, então, se você quiser uma opinião brutalmente honesta sobre um vestido novo, pergunte ao seu filho! Embora, às vezes, a falta de habilidades de comunicação social das crianças possa ser desconfortável e difícil, lembre-se de que elas estão aprendendo. Apenas encontre um tempo para explicar ao seu filho que ele disse algo inapropriado e o que ele deveria ter feito.

Por outro lado, se o seu filho estiver com dificuldades com as habilidades de conversação, certifique-se de dar a ele muitas oportunidades para praticar! Antes de iniciar uma conversa, diga algo sobre o assunto do qual você vai falar, para que ele saiba no que se concentrar. Isso o ajudará a não mudar de assunto. Faça perguntas, para que ele possa continuar a conversa. Você também pode explicar o que é comunicação não-verbal e como, às vezes, as expressões faciais servem para entender melhor o que as pessoas estão tentando dizer. Vejam imagens de pessoas com diferentes expressões e peça para o seu filho identificar o que cada pessoa está sentindo.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

bilinguismo

O bilinguismo e o cérebro

Muitos pais conhecem os benefícios que o aprendizado de mais de um idioma pode ter no futuro de uma criança.

Deixe seu comentário!