As crianças aprendem a falar graças às interações diárias com seus cuidadores. Ler um livro, conversar ou brincar ajuda muito, mas de que outra maneira você pode estimular o desenvolvimento linguístico do seu filho?

A aquisição da linguagem começa a se desenvolver muito cedo. Após o nascimento, os bebês se comunicam por meio de sons e expressões faciais. Depois, eles começam a balbuciar e usar gestos, como apontar para o que eles querem. Eles não precisam ser formalmente ensinados a fazer as coisas, pois aprendem por imitação e com as interações que eles têm com os pais e cuidadores.

banner kinedu desenvolvimento

Dicas para estimular o desenvolvimento linguístico do seu filho

As habilidades iniciais de linguagem e alfabetização também são aprendidas por meio de atividades e experiências do dia a dia. Aqui estão algumas ideias que você pode implementar em casa:

  • O mais óbvio e mais importante é conversar com o seu filho. Falar com ele irá expandir seu vocabulário e ajudá-lo a praticar a construção de frases.
  • Quando estiverem conversando, incentive o seu filho a opinar, fazendo perguntas abertas que exijam mais do que dizer “sim” ou “não” como resposta. Por exemplo, se vocês virem um pássaro voando, diga: “Veja como o pássaro voa! Aonde você acha que ele está indo?”.
  • Responda às palavras com mais palavras. Ajude-o a construir frases. Por exemplo, se ele disser “eu brincar”, responda “Sim, vamos brincar! Você quer brincar lá fora?”.
  • Incentive o seu filho realizar as tarefas por conta própria ou tente fazer novas atividades enquanto você dá instruções. Por exemplo, você pode pedir a ajuda dele para separar a roupa para lavar.
  • Conte histórias. Quando estiver lendo uma história escolhida por ele, ou uma que você mesmo inventou, inclua detalhes sobre quando ou onde as coisas acontecem e quem as realiza.
  • Use rimas! Você pode inventar rimas, cantar uma canção ou ler um poema. As rimas treinam os ouvidos das crianças para reconhecer os sons específicos que compõem as palavras, e isso é muito importante para a futura alfabetização.