X
X

Como melhorar a relação com o seu filho durante e após a “terrível crise dos dois anos”

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

O professor de psicologia Matthew Sanders, da Universidade de Queensland, passou os últimos dez anos pesquisando a disciplina positiva. Ele se concentrou nos efeitos que a prática tem sobre a relação entre pais e filhos, como melhora as habilidades e a confiança dos cuidadores e como ajuda o desenvolvimento de boas habilidades emocionais em crianças desde a infância até a vida adulta.

Escolhemos algumas ideias-chave do artigo publicado por Sander em 2008 no Journal of Family Psychology, “The Triple P: Positive Parenting Program as a public health approach to strengthening parenting” (O Triplo P: Programa de Criação Positiva como uma abordagem de saúde pública para fortalecer a criação dos filhos, em inglês). Esta é uma lista de dicas para incentivar o desenvolvimento emocional do seu filho, sobreviver à “crise dos dois anos” e aproveitar essa fase:

– Separe um tempo para conversar com ele todos os dias. Dedique toda a sua atenção a esse momento.

– Demonstre interesse pelos gostos, interesses, curiosidades e desenvolvimento do seu filho. Pode parecer intuitivo, mas muitas pesquisas mostram que estar em sintonia com o seu filho é muito melhor para o desenvolvimento socioafetivo do que tentar ser a mãe perfeita.

X
banner kinedu desenvolvimento

– Tenha expectativas razoáveis para a idade dele.

– Reconheça os esforços e elogie o progresso do seu filho.

– Esteja ciente de que crianças são muito sensíveis à comunicação não verbal dos pais. Tente ser coerente com o que você diz e faz.

– Use o ensinamento incidental. Por exemplo, se o seu filho estiver comendo queijo ou biscoitos, pergunte sobre as formas e cores do alimento para estimular o aprendizado dele.

– Mantenha consequências lógicas para o mau comportamento. Por exemplo, remova o objeto que é a causa do conflito e converse com o seu filho sobre o que aconteceu.

– Reconheça as emoções dele e ajude-o a expressá-las com palavras.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

Deixe seu comentário!

1 comentário em “Como melhorar a relação com o seu filho durante e após a “terrível crise dos dois anos””

  1. Pingback: Terrible two: entenda melhor essa fase infantil! - Kinedu Blog

Comentários encerrados.