X
X

Marcos da linguagem: respondendo a perguntas simples

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Certamente você já se perguntou quando o seu filho começará a responder verbalmente as suas perguntas. Não é tão simples quanto parece! Fazer isso exige que o seu filho entenda o que você está pedindo, processe a pergunta, formule uma resposta e, em seguida, comunique-a verbalmente. Como tudo depende da pergunta e da idade da criança, é uma boa ideia saber que tipo de perguntas você pode fazer em cada estágio do desenvolvimento.

Quando as crianças têm um ou dois anos de idade, elas usam muitos gestos para se comunicar. Por exemplo, se você perguntar “onde está o gato?”, provavelmente a resposta será apontar para o animal. Elas também tendem a responder perguntas fechadas, dizendo “sim” ou “não” com a cabeça. Nessa idade, as crianças começam a usar a entonação para expressar que estão fazendo uma pergunta (o tom aumenta no final das frases). Aos dois e três anos de idade, elas respondem verbalmente e entendem perguntas simples, como “onde”, “o que” e “quem”, e começam a responder perguntas relacionadas aos próprios desejos e necessidades. Por exemplo, seu filho pode perguntar “onde mamãe?”. Ao se aproximar dos quatro anos de idade, ele deverá começar a responder perguntas mais complexas, como “quando”, “por que” e “como”, e a fazer as próprias perguntas.

Para ajudar o seu filho a praticar o que responder, faça uma série de perguntas semelhantes, nas quais você apenas altera a primeira palavra da sentença. Por exemplo:

– O que você jogou?

X
banner kinedu desenvolvimento

– Onde você jogou?

– Com quem você jogou?

– Quando você jogou?

– Como você jogou?

– Por que você jogou?

Desta forma, você identificará quais perguntas ele entende e quais não. Se ele responder algo errado, explique o que deve dizer e continue a exercitar as questões.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

Deixe seu comentário!

1 comentário em “Marcos da linguagem: respondendo a perguntas simples”

  1. Pingback: A pronúncia do seu filho: parte 1 - Kinedu Blog

Comentários encerrados.