X
X
comida para bebê

Comida para bebê: caseira ou industrializada?

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Se esse mundo da comida para bebê é novo para você, talvez você esteja se perguntando se é melhor preparar as papinhas em casa ou comprá-las já prontas no supermercado. A verdade é que não há resposta certa. Você pode fazer as duas coisas, e até combinar essas duas opções. Preparar a comida em casa é uma ótima maneira de alimentar seu bebê, pois os ingredientes usados estão fresquinhos. No entanto, às vezes, essa tarefa parece impossível.

Preparando a comida para bebê em casa

Se você tiver a oportunidade de preparar a comida do seu bebê em casa, saberá exatamente cada ingrediente que ela contém, e poderá envolver seu bebê nas refeições da família – certificando-se de que a comida dele esteja na consistência recomendada. Mas, como nem sempre é possível cozinhar todos os dias, uma boa saída é escolher um dia específico para preparar várias receitas diferentes e congelá-las. Assim, você poderá descongelar uma porção de cada vez e guardar o resto para mais tarde. Isso pode ser muito eficaz e mais barato do que comprar papinhas industrializadas, mas requer tempo, organização e preparação. Preparar comida para bebê em casa requer uma higiene impecável. Certifique-se de manter todos os utensílios e equipamentos muito limpos.

Comprando comida pronta para bebê

Se você não tiver tempo ou inspiração para cozinhar, não há problema em comprar as papinhas no supermercado. A maioria das papinhas que você irá encontrar é de excelente qualidade, já que elas precisam seguir diretrizes de segurança da Anvisa. Certifique-se apenas de que qualquer comida para bebê cumpra estes requisitos:

X
banner kinedu alimentação bebê
  • Seja feita com ingredientes naturais;
  • Não contenha açúcar ou substitutos de açúcar;
  • Tenha baixo teor de sódio (ou nenhum sódio);
  • Não contenha conservantes.

A maioria das papinhas que você encontra no supermercado é de excelente qualidade, apenas verifique se elas atendem aos requisitos indicados acima. Comprar papinhas industrializadas oferece conveniência e praticidade de armazenamento, além de ser bastante útil para as situações em que você vai viajar, precisa sair de casa ou não tem comida pronta. Com isso em mente, os pediatras recomendam que você alimente seu bebê com papinhas industrializadas ocasionalmente, para que ele se acostume com o gosto delas e para evitar que ele as rejeite quando elas forem sua única opção de alimento. Por outro lado, se você compra papinhas industrializadas com frequência, tente oferecer papinha caseira ao seu bebê de vez em quando, para que ele se acostume a comer comida caseira com sua família.

Como uma dica final, sirva a porção de comida que seu filho irá comer em um prato separado, para evitar a contaminação do alimento que ele não comer. Dessa forma, você poderá armazenar as sobras na geladeira por até 48 horas, e usá-las em outra refeição.

Nossa recomendação é que você escolha a melhor opção para você e o seu bebê. Independentemente de você decidir alimentar o seu pequeno com comida para bebê feita em casa ou comprada pronta, o mais importante é certificar-se de criar hábitos de alimentação saudáveis em casa. Caso tenha qualquer dúvida ou preocupação específica em relação a este tema, é importante conversar com o seu pediatra sobre a comida para o seu bebê.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

Deixe seu comentário!

2 comentários em “Comida para bebê: caseira ou industrializada?”

  1. Pingback: Como garantir uma alimentação saudável para crianças? 4 dicas - Kinedu Blog

  2. Pingback: Quando e como fazer a introdução alimentar? Tire as suas dúvidas! - Kinedu Blog

Comentários encerrados.