Você já ouviu a expressão “quem não é visto, não é lembrado”? Nós, adultos, quando vemos um objeto ser retirado do nosso campo de visão, sabemos que aquele objeto ainda existe, embora não possamos vê-lo, tocá-lo ou ouvi-lo. No entanto, este não é o caso dos bebês. Durante os primeiros meses de vida, quando um objeto é retirado do seu campo de visão, o objeto deixa de existir para eles! Entretanto, entre os 4 e os 7 meses, seu bebê começará a entender o conceito de permanência do objeto, ou seja, ele começará a compreender que, quando os objetos estão fora do seu campo de visão, eles ainda existem. Isso ocorre devido porque sua audição e sua visão já estão praticamente desenvolvidas!

Por que a permanência de objetos é um marco tão importante?

Compreender o conceito de permanência do objeto é um grande marco de desenvolvimento para seu bebê, porque o ajudará a entender o mundo e a saber o que esperar em seguida. Isso significa que seu bebê irá deixar de se assustar quando der alguma coisa a alguém – como, por exemplo, um brinquedo – pois ele saberá que é possível recuperá-lo. Ele também perceberá que as pessoas existem, mesmo quando estão longe. Até pouco tempo atrás, seu bebê não tinha a capacidade de entender isso – quando você saía, ele pensava que você tinha desaparecido. No entanto, ao atingir esse marco, mesmo que ele não fique feliz com sua saída, ele poderá perceber que você voltará. Com o tempo, quando você sair, já não causará tanto sofrimento ao seu filho.

Como posso ensinar meu bebê sobre a permanência do objeto?

Os bebês aprendem por meio da interação lúdica, então você não precisa se preocupar muito em tentar ensinar seu bebê sobre a permanência do objeto. A parte mais importante da experiência de aprendizagem dele é passar tempo de qualidade com você! É por meio de interações e de experiências significativas com cuidadores amorosos e confiáveis ​​que os bebês começam a entender o mundo.

Então, dado que a melhor maneira de “ensinar” seu pequeno sobre a permanência do objeto é por meio de brincadeiras, aqui estão algumas ideias para você começar!

1. Brinque de “esconde-esconde”

Você provavelmente já ouviu falar sobre esse jogo: é um dos favoritos de quase toda família! “Esconde-esconde” é um sucesso natural porque permite que seu bebê olhe para o que ele mais gosta – seu rosto! Antes que seu filho domine a permanência do objeto, ver como você desaparece e reaparece instantaneamente será muito divertido para ele!

Você também pode se esconder atrás de um cobertor ou de uma toalha. Segure o cobertor na frente do seu rosto e chame o nome do seu bebê. Assim que ele tocar o cobertor, solte-o e diga: “Achooou!”

2. Esconda um brinquedo chamativo

banner kinedu desenvolvimentoPowered by Rock Convert

Primeiro, escolha um brinquedo que chame a atenção do seu bebê. Depois, esconda lentamente o brinquedo sob um pequeno cobertor ou uma toalha. Certifique-se de que uma pequena parte do brinquedo esteja aparecendo, para ajudar o seu bebê a encontrá-lo. Com o passar do tempo, torne a brincadeira mais desafiadora, escondendo o brinquedo ainda mais.

3. Brinque de “Onde está?”

Os bebês reconhecem as vozes de seus pais desde o início. Por isso, use sua voz para ajudar o seu bebê a entender que você ainda está ali, mesmo que ele não a veja.

Dica: Quando seu bebê atingir 8-9 meses, brinque com jogos de permanência de objetos para ajudar a reduzir a ansiedade de separação! Brincar dessa forma e fazer despedidas curtas e afetuosas ao deixá-lo na creche ou na casa dos avós poderá ajudá-lo a entender que você voltará.

Os componentes importantes encontrados em qualquer jogo de permanência do objeto são objetos “aparecendo e desaparecendo”, “sendo procurados e revelando-se”. Se quiser aprender mais sobre como superar a ansiedade da separação de uma maneira divertida, confira esse artigo!

A criação de rotinas diárias e de um ambiente estimulante proporciona às crianças uma sensação de estabilidade, estrutura e confiança em seus cuidadores. Com o tempo, seu bebê ficará cada vez mais tolerante aos momentos de separação de curto prazo.

Se você deseja encontrar mais ideias para ajudar seu filho com o conceito de permanência do objeto, confira a seguinte atividade do Kinedu!