X
X
estilo parental autoritativo

Você tem um estilo parental autoritário ou autoritativo?

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Há uma linha tênue entre os estilos parentais Autoritativo e Autoritário.

Conforme nossos bebês vão crescendo, ser mãe ou pai passa a ter menos relação com incentivar os primeiros passos e palavras e mais com ensinar aos nossos filhos comportamentos positivos e saudáveis. À medida que o seu pequeno começar a testar seus limites, você irá começar a descobrir qual estilo parental funciona melhor para você e para a sua família. Muitos pais optam por adotar um estilo parental autoritativo. Continue a leitura para saber mais sobre esse estilo e o que o diferencia dos outros.

O estilo parental autoritativo se dá quando os pais são calorosos e sensíveis com seus filhos, mas, ao mesmo tempo, estabelecem limites usando reforços positivos e conversando com eles para evitar punições. Esses pais têm uma abordagem mais moderada e são carinhosos e responsivos com seus filhos, esperando cooperação e oferecendo suporte emocional.

No estilo autoritativo, os pais são mais racionais com seus filhos, com o objetivo de direcioná-los melhor; tentam encorajar a expressão de sentimentos e pensamentos; validam as emoções; e discutem as regras com eles. Com esse debate, os pais ensinam as crianças a buscar as razões por trás das regras e permitem que elas expressem conformidade ou dúvidas sobre elas e lidem com as consequências naturais de suas ações — mas não de uma forma rígida, como pais autoritários.

Diferenças entre Pais Autoritativos e Pais Autoritários

É fácil confundir o estilo parental autoritativo com o autoritário, mas as características de ambos estão longe de ser parecidas! Confira as principais diferenças entre estes dois estilos:

X
banner kinedu desenvolvimento

Pais Autoritativos:

  • Possuem grandes expectativas para seus filhos.
  • São muito responsivos, ou seja, escutam e observam seus filhos e reagem de acordo.
  • Seguem uma linha aberta de comunicação que leva em consideração os sentimentos, opiniões e preferências da criança.
  • Estabelecem limites básicos, mas também oferecem apoio e orientação para que os filhos consigam atingir essas expectativas.

Pais Autoritários:

  • Possuem grandes expectativas para seus filhos.
  • Não são responsivos ou acolhedores.
  • Adotam uma abordagem “faça do meu jeito” para tomar decisões e exigem obediência inquestionável.
  • Estabelecem regras rígidas sem orientação adequada.

Dicas para pais autoritativos

  • Lembre-se de que ser pai ou mãe é basicamente uma forma avançada de ter interações de ação e reação. Com um bebê, isso implica focar sua atenção nas necessidades dele e o ajudar ou responder a elas. Assim, os pais são sensíveis aos sinais de seus filhos e proporcionam a eles um bom ambiente. À medida que seu filho cresce, ele presta atenção na maneira como você se comporta e, em seguida, determina as respostas que acredita serem apropriadas para aquela situação. Quanto mais fortes forem as interações entre vocês, melhor o seu pequeno reagirá.
  • Ouça seu filho e leve em consideração suas características individuais, habilidades e fase de desenvolvimento. Por exemplo, uma criança de oito anos consegue se lembrar de sempre tirar os sapatos antes de entrar em casa, enquanto uma criança de três anos pode não se lembrar disso.
  • Explique por que algo está correto ou incorreto, para que seu filho compreenda suas ações.
  • Estabeleça limites e forneça instruções claras. Seja consistente ao aplicá-los.
  • Sempre elogie comportamentos positivos.

Benefícios do estilo parental autoritativo

  • Influencia positivamente o raciocínio de causa e efeito. Quando um comportamento já foi explicado e tem uma consequência direta que seu filho já conhece, será mais fácil entender as consequências das ações dele e que ele é responsável por suas decisões.
  • Ajuda você a construir um relacionamento próximo e forte com seu filho.
  • Pesquisas mostram que crianças criadas por pais autoritativos têm maior probabilidade de se tornarem independentes, autossuficientes, socialmente aceitas, academicamente bem-sucedidas e bem-comportadas, além de terem bom autocontrole e regulação emocional e uma predisposição maior à felicidade.
  • Esse estilo permite que as crianças errem e aprendam com isso, ajudando-as a construir resiliência e superar os desafios da vida, permitindo que aumentem sua autoconfiança.
  • À medida que as crianças vão crescendo, elas obtêm um senso maior de liderança, já que aprenderam a tomar suas próprias decisões, adquirindo confiança para assumir papéis de liderança.
  • Pais com estilo autoritativo ajudam a criar espaços em casa para que as crianças se sintam seguras, criando uma apego seguro com seus filhos.
  • Crianças criadas nesse estilo parental têm habilidades mais fortes para regular suas emoções, já que aprenderam essas habilidades quando seus pais as ajudaram a se expressar e a lidar com sentimentos desagradáveis.
  • Pais autoritativos têm a mente mais aberta, pois são adaptáveis e dispostos a dar explicações para seus filhos, e essa abertura os ajuda a desenvolver boas habilidades de comunicação.

Desafios do estilo parental autoritativo

  • É um estilo que exige muito autocontrole, paciência e consistência.
  • O estilo parental autoritativo nem sempre funciona para todas as crianças, principalmente em uma casa onde há várias crianças.
  • Ambos os pais e outros cuidadores devem aderir a padrões semelhantes, mas serem flexíveis quando ocorrerem mudanças.
  • Estabelecer limites sem consequências severas pode ser desafiador.
  • As fases rebeldes podem ser difíceis nesse estilo parental devido às grandes expectativas que os pais têm para os seus pequenos.

Como É o estilo parental autoritativo?

Este estilo:

  • Encoraja as crianças a falar sobre seus sentimentos.
  • Respeita as opiniões das crianças e as incentiva a expressá-las.
  • Fornece às crianças razões para as expectativas sobre elas.

Como NÃO É o estilo parental autoritativo?

Este estilo:

  • NÃO permite que as crianças deixem atividades inacabadas.
  • NÃO envolve explosões de raiva com as crianças.
  • NÃO pune as crianças por desistirem.

Outros estilos parentais

Existem outros estilos parentais além do autoritativo e do autoritário. Um deles é a parentalidade permissiva, que compartilha similaridades com o estilo autoritativo. Contudo, o estilo permissivo não estabelece regras claras e não é consistente com disciplina — ao contrário do autoritativo, que define limites básicos. Esse estilo de parentalidade pode ser confortável para as crianças, mas encontra problemas em dizer ‘não’ para os desejos delas, levando-as a ter um autocontrole ruim e um desenvolvimento egocêntrico ou problemático com outras pessoas.

O outro estilo é a parentalidade negligente, sendo o oposto do autoritativo. Aqui, os pais são distantes de seus filhos, sem expectativas, regras ou apego emocional. Eles não estão envolvidos com seus filhos e são indiferentes às suas necessidades ou desejos. Normalmente, esse estilo leva as crianças a terem uma baixa inteligência emocional e outros problemas pessoais em seu desenvolvimento.

Como mencionamos acima, o estilo parental autoritativo possui vários benefícios para as crianças, mas também requer muita paciência dos pais, já que é baseado na comunicação e conversa com seus filhos. Então, como um pai autoritativo, lembre-se de que é importante ter boas habilidades de comunicação com seus pequenos, validar seus sentimentos, estabelecer limites e usar reforços positivos!


Olivia Maitret é psicóloga com especialidade em Educação e mestrado em Terapia Sistêmica Breve. É professora de atenção plena e especializada no tratamento de transtornos de aprendizagem. Olivia foi professora pré-escolar por quatro anos e conselheira escolar por três anos, e ensina crianças a meditar. É psicoterapeuta familiar e adora ajudar pais e professores ao redor do mundo a participar do desenvolvimento infantil.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

Deixe seu comentário!

1 comentário em “Você tem um estilo parental autoritário ou autoritativo?”

  1. Pingback: Parentalidade Positiva: Conheça a abordagem de criação com afeto - Kinedu Blog

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *