X
X

Seu guia para escolher um pediatra

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Se você ainda não escolheu um pediatra, aqui está uma lista dos seis fatores que consideramos mais importantes para você levar em conta para fazer essa escolha.

  1. Peça referências de amigos e familiares, porque eles podem lhe dar suas opiniões e compartilhar suas experiências pessoais;
  2. Compare os médicos pelos quais você se interessou. Ter pelo menos três opções é uma excelente ideia;
  3. Verifique suas credenciais.
  4. Faça uma entrevista com eles, e:

  • Converse sobre um assunto que é importante para você, como a amamentação.
  • Faça as perguntas que são mais relevantes para você.
  • Verifique a disponibilidade deles.
  • Observe as interações dos médicos com o seu filho.
  • Discuta a frequência de suas consultas. Segundo a Academia Americana de Pediatria (AAP), os pediatras devem verificar as crianças no primeiro, segundo, quarto, sexto, nono e décimo segundo meses de idade. Eles também recomendam que os bebês sejam examinados aos 18 e 24 meses de idade e, depois disso, uma vez por ano.
  • Pergunte se eles trabalham em grupo ou sozinhos.
  • Pergunte se eles estarão disponíveis se surgir uma emergência.
  • Converse com eles sobre como vocês podem se comunicar fora do consultório: se eles têm um endereço de e-mail para o qual você pode escrever ou um número particular para ligar se for necessário.

X
banner kinedu saúde

5. Veja se você se conectou com o pediatra depois da primeira consulta. É fundamental sentir-se segura e confiar no seu pediatra.

6. A localização também pode ser um fator a se considerar. Verifique se o consultório fica perto da sua casa.

Lembre-se de que é importante escolher um pediatra que realmente valorize a saúde e o desenvolvimento do seu filho. Dessa forma, você se sentirá segura, sabendo que seu bebê está em boas mãos.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados