Tempo é tudo

Se seu bebê tem cerca de 18 meses ou mais, talvez você esteja ansiosa para começar o desfralde, ou talvez já tenha realizado algumas tentativas que não foram bem-sucedidas. No entanto, você deve lembrar que o tempo é tudo: não é só você que precisa estar pronta, mas o seu filho também. Você pode conferir o blog do Kinedu para saber quais marcos do desenvolvimento seu bebê já alcançou antes de começar o desfralde. Outro fator que você deve considerar para fazer isso é você mesma! Se você está planejando uma viagem para as próximas semanas ou se vai se mudar para outra casa, é melhor adiar o desfralde até que o ambiente do seu filho esteja estável e seguro.

Escolha o penico

Depois de ter decidido que você e seu bebê estão prontos para o desfralde, é hora de decidir sobre o método e o penico. As duas opções básicas são o redutor de assento e a cadeirinha do tamanho da criança com um recipiente. Se você optar por modificar seu vaso, considere adquirir um banquinho para que seu bebê possa alcançar confortavelmente o assento. Algumas mães dizem que a transição para o vaso regular é mais fácil se você adaptá-lo desde o início do desfralde.

Outra opção é uma cadeirinha do tamanho da criança com um recipiente que pode ser esvaziado no vaso. A vantagem dessa opção é que você pode utilizar qualquer espaço para fazer o desfralde. Algumas mães sugerem ter um penico no carro para qualquer emergência ou durante uma viagem. A desvantagem dessa opção é que você precisará limpar o penico toda vez que seu filho terminar de usá-lo.

Não crie expectativas

banner kinedu saúde

Se você está pensando em começar a ensinar seu filho a usar o banheirinho, você provavelmente já encontrou muitas páginas dizendo que é possível fazer isso em 3 dias, e até mesmo em um dia! Não se fixe na ideia do tempo que seu filho levará para aprender. Algumas crianças levarão dias; outras, algumas semanas. Lembre-se de que seu filho precisa estar pronto antes de qualquer outra coisa, e que cada criança tem seu próprio ritmo. O que todo método tem em comum é a importância da prática e da consistência.

Acidentes irão acontecer

É ótimo que o seu bebê tenha entendido como usar o banheirinho, mas, mesmo que você ache que seu filho já é um especialista, acidentes podem acontecer – e se você tiver um menino, ele provavelmente errará mais de uma vez. Aqui estão algumas dicas que podem ajudá-la:

  • Lembre sempre seu filho de usar o banheiro. A maioria dos acidentes acontece porque as crianças estão distraídas em suas atividades, já que brincar é mais interessante do que ir ao banheiro. Então, sugira ao seu filho que use o banheirinho quando ele estiver brincando ou antes de entrar no carro.
  • Fique calma se o seu filho tiver um “acidente”. Respire, e não brigue com o seu filho. É melhor dizer “Você esqueceu desta vez! Na próxima, você chegará ao banheiro antes. Não se preocupe!”.
  • Esteja preparada. Se seu filho tiver “acidentes” frequentes, você pode experimentar usar roupas íntimas absorventes ou manter sempre uma muda de roupas limpas à mão.

Saiba quando começar

Se o seu filho está resistindo ao banheirinho ou se ele não pegar o jeito em algumas semanas, talvez seja melhor parar e adiar o desfralde. Ele provavelmente ainda não está pronto. Aqui estão alguns sinais de que ainda não é o momento certo:

  • Se ele disser “NÃO”. Respeite os desejos do seu filho. “Não” significa “não”;
  • Se ele está segurando muito as necessidades ou está constipado;
  • Se ele tem muitos “acidentes” e nunca tenta controlar a evacuação ou ir ao banheiro;
  • Se ele se esconde para evitar ir ao banheiro.

Não desanime, você pode tentar novamente em alguns meses. Apenas certifique-se de observar os sinais do seu bebê para saber se ele está pronto para este grande passo!