Category Archives: Hábitos Saudáveis

Como colocar e tirar as roupas do meu bebê?

Vestir seu bebê e tirar suas roupas são ótimos momentos para interagir com ele, formar laços afetivos e talvez até brincar de “esconde-esconde”. No início, pode parecer uma tarefa complicada, mas, com o tempo e a prática, você se tornará uma especialista em trocar suas roupas.

Antes de qualquer coisa, verifique se as roupas do seu bebê estão limpas, e se são confortáveis ​​e adequadas para a idade dele. Prepare a muda de roupa e coloque o seu filho em uma superfície plana e segura, como um trocador, uma cama ou um sofá. Lembre-se de não tirar os olhos dele!

Como colocar a roupa no meu bebê?

  1. Coloque seu bebê com as costas apoiadas em uma superfície plana.

  2. Pegue a roupa e a “amasse” de baixo para cima, como uma sanfona. Levante seu bebê um pouco e segure sua cabeça delicadamente. Estique a roupa a partir da gola e passe-a suavemente pela cabeça do seu filho, evitando que toque no rosto dele.

  3. Repita a mesma técnica da sanfona, mas, agora, com as mangas. Comece de um lado, passando a mão dele pela abertura, e colocando a sua mão cuidadosamente por dentro da manga, para puxá-la pelo braço do seu filho. Faça o mesmo com o outro braço.

  4. Ajuste as roupas no corpo dele e feche os botões.

  5. Repita os mesmos passos para cada camada de roupa. Se for colocar calças no seu bebê, use a mesma técnica da sanfona para cada perna.

  6. Por fim, não se esqueça de vestir as meias.

Como tirar a roupa do meu bebê?

  1. Coloque seu bebê com as costas apoiadas em uma superfície plana.

  2. Tire uma camada de roupa de cada vez, para que ele não fique com frio.

  3. Se o seu filho estiver usando calças, comece a partir daí. Desabotoe-as e tire-as delicadamente.

  4. Segure a cabeça do seu filho enquanto você tira a blusa ou o macacão dele, um braço de cada vez.

  5. Em seguida, levante a roupa até o pescoço dele, estique-a e passe a cabeça do seu filho delicadamente por ela, evitando que toque no rosto dele.

  6. Se você precisar tirar um macacão, abra seus botões e, com cuidado, levante seu filho para tirar a peça delicadamente – um braço e uma perna de cada vez.

Lembre-se de que são necessárias várias tentativas para dominar essa habilidade, mas logo você aprenderá a melhor maneira de vestir e despir o seu bebê – aquela que é mais fácil para você e mais confortável para o seu filho.

Como dar banho no meu bebê?

O banho é uma ótima maneira de fazer a transição do dia para a noite. Dar banho no seu filho no mesmo horário todos os dias ajudará a ensiná-lo que a hora de dormir virá em breve. Da mesma forma, o banho deve ser um momento calmo e relaxante, que diminui o ritmo da atividade do dia e prepara o seu bebê para o sono. Abaixo estão algumas dicas e passos que você pode seguir para dar banho no seu bebê:

Escolha o local em que você irá dar banho no seu bebê. Pode ser na pia da cozinha, na pia do banheiro ou em uma banheira portátil colocada em uma superfície plana e segura. É melhor escolher um local que lhe permita ficar em uma posição confortável e na altura do seu filho – desta forma, você poderá oferecer maior segurança a ele. Se escolher a pia, certifique-se de que ela seja grande o suficiente para que seu bebê não se machuque. Da mesma forma, certifique-se de que ela esteja bem limpa, para evitar contaminar ou irritar a pele do seu filho;

  • Prepare 5 cm de água na banheira portátil ou na pia a uma temperatura morna e agradável. Use o cotovelo para verificar a temperatura e ajuste-a, se necessário. Se a água estiver muito quente, ela poderá queimar a pele do seu bebê – tenha cuidado para que ela não exceda 40ºC;
  • Enquanto isso, prepare os materiais necessários e coloque-os perto de você:
    • Sabonete de bebê sem perfume;
    • Jarra ou copo para derramar água;
    • Um paninho delicado;
    • Uma toalha com capuz;
    • Uma fralda nova e roupas limpas.
  • Tire a roupa do seu bebê e, se necessário, limpe primeiro o bumbum para evitar a contaminação da água;
  • Coloque seu filho na água lentamente, começando pelos pés. Enquanto você faz isso, converse carinhosamente com ele. A mudança súbita de ambiente pode assustá-lo ou surpreendê-lo, e sua tranquilidade ajudará a acalmá-lo;
  • Lembre-se de segurar seu bebê com firmeza ao colocá-lo na banheira, pois ele poderá se encolher um pouco quando tocar a água. Use uma mão para apoiar o pescoço e a cabeça e a outra para colocar o corpo na água;
  • Certifique-se de que a maior parte do corpo do seu bebê esteja fora da água. Para evitar que ele sinta frio, use a jarra ou copo para molhá-lo constantemente;
  • Pegue o paninho e comece a limpar o rosto dele. Talvez não seja necessário usar sabão diariamente. Apenas certifique-se de que todo o rosto fique limpo e livre de resíduos de leite;
  • Continue massageando suavemente a cabeça, tomando cuidado para a água não entrar nos ouvidos do seu filho. Quando enxaguar, coloque a mão na testa dele, para evitar que a água ou o sabão entrem nos olhos, no nariz e na boca;
  • Agora limpe o resto do corpo dele. Comece com a frente do corpo e, em seguida, levante-o ligeiramente para limpar as costas e o bumbum. Lembre-se de que se você der banho no seu filho diariamente, pode não ser necessário usar sabão todos os dias;
  • Quando chegar à área genital do seu bebê, limpe-a completamente sem sabão. Se seu bebê for uma menina, limpe entre as dobras e lave a vagina muito bem. Se for um menino, limpe o pênis e o escroto, mas evite mover o prepúcio (pele na ponta do pênis) para trás. Se o pênis dele foi circuncidado e ainda não cicatrizou completamente, certifique-se de seguir as instruções que seu médico lhe deu;
  • Quando terminar, retire seu bebê da água cuidadosamente e envolva o corpo dele com uma toalha macia. Em seguida, leve o seu bebê para uma superfície confortável, seque-o e coloque uma nova fralda e uma roupa limpa;
  • Lembre-se: nunca deixe seu bebê sozinho, nem por um segundo: acidentes podem acontecer em um piscar de olhos!

O primeiro banho de esponja do meu bebê

Durante as primeiras semanas de vida do seu bebê, quando ele ainda tem o coto do cordão umbilical preso, a Academia Americana de Pediatria (AAP) recomenda dar banhos de esponja nele. Para saber como proceder, siga estas instruções e você será uma especialista em pouco tempo

  • Certifique-se de que o lugar onde você irá dar banho no seu bebê esteja em uma temperatura amena;
  • Prepare todos os materiais necessários: uma bacia com água morna, um sabonete suave e um xampu de bebê (opcional), uma toalhinha delicada, bolas de algodão, uma toalha macia com capuz, uma fralda nova e roupas limpas;
  • Para manter seu bebê calmo durante o banho, descreva gentilmente cada coisa que você faz;
  • Tire as roupas do seu bebê, mantendo apenas a fralda, envolva-o com a toalha e coloque-o sobre uma superfície segura;
  • Cabeça: umedeça o cabelo e adicione um pouco de sabonete ou de xampu de bebê. Massageie suavemente o couro cabeludo e enxague bem, tomando cuidado para que a espuma não entre em contato com os olhinhos dele;
  • Rosto: pegue uma bola de algodão, mergulhe-a em água limpa e limpe suavemente um dos olhos do seu bebê, indo do canto interno em direção ao canto externo. Em seguida, pegue uma nova bola de algodão e faça o mesmo com o outro olho. Pegue a toalhinha e limpe o restante do rosto delicadamente, passando pelo nariz, boca, queixo e orelhas;
  • Pescoço e peito: molhe a toalhinha, coloque um pouco sabonete nela e limpe o pescoço e o peito do seu bebê, certificando-se de limpar completamente as dobras e os vincos;
  • Abdômen: limpe delicadamente o abdômen do seu bebê com a toalhinha. Para limpar o coto do cordão umbilical, use uma bola de algodão úmida, sem sabão, e depois deixe-o secar naturalmente;
  • Braços: limpe um braço de cada vez e certifique-se de limpar as mãos com o sabonete;
  • Costas: coloque seu bebê de bruços, certificando-se de que a bochecha dele fique apoiada confortavelmente na superfície. Com a toalhinha úmida, limpe as costas dele delicadamente;
  • Pernas: limpe cada perna com a toalhinha e sabonete, certificando-se de não esquecer a área atrás dos joelhos e as dobrinhas. Se o seu bebê mexer as pernas, não se preocupe – fale gentilmente com ele;
  • Área da fralda: pegue uma bola de algodão e limpe a área sem sabão. Se o seu bebê for uma menina, certifique-se de limpar da frente para trás. Se for um menino, limpe entre as dobras, o escroto e o pênis sem mover o prepúcio (a pele na ponta do pênis) para trás. Se o seu filho for circuncidado, siga as instruções específicas do seu médico;

Pronto! Seu bebê está limpo! Certifique-se de secar o corpo todo dele com a toalha. Coloque uma fralda nova e roupas limpas, e continue seguindo sua rotina diária.

Lembre-se: os bebês não precisam tomar banho diariamente. Converse com seu pediatra sobre este tema e pergunte a ele sobre o uso de xampu e de sabonete.

Cuidado e limpeza de cortes e arranhões

Cortes e arranhões são bastante comuns em crianças pequenas. Se o seu filho cair e se cortar, não há necessidade de entrar em pânico. A maioria dos cortes é superficial e danifica minimamente a camada externa da pele. Neste caso, um abraço, um beijo e a limpeza adequada da área afetada com água e sabão são as melhores formas de confortar o seu bebê.

Em alguns casos, uma queda ou um objeto pontiagudo podem provocar um corte mais profundo. Se isso ocorrer, lembre-se de ficar calma. As dicas a seguir ajudarão você a cuidar do corte adequadamente enquanto identifica se há necessidade de entrar em contato com o seu médico ou ir ao pronto-socorro.

O que fazer?

  • Aplique pressão na área afetada para parar o sangramento. Certas partes do corpo são mais propensas a sangrar e exigem a aplicação de pressão por 10 minutos;
  • Depois de aplicar pressão, lave bem o corte com sabão e água morna;
  • Se você considerar necessário, aplique um creme antibiótico recomendado pelo seu médico na área afetada;
  • Tampe o corte ou o arranhão com um curativo ou gaze, se necessário;
  • Se a ferida for grande ou ficar suja, limpe-a todos os dias, aplique pomada e cubra-a com um novo curativo ou gaze;
  • Quando a ferida começar a fechar, deixe-a cicatrizar sem cobertura.
  • O que não fazer?
  • Não use álcool ou água oxigenada no machucado. Além de causar dor, pode danificar a pele;
  • Certifique-se de não expor o corte à luz solar direta, pois isso pode criar uma cicatriz aparente;
  • Não use sabonete esfoliante ou perfumado na ferida. Ao invés disso, use um sabão neutro suave;
  • Não beije a ferida, para evitar a transmissão de germes;
  • Por fim, deixe a casquinha da ferida cair sozinha. Cutucá-la poderá deixar uma cicatriz na pele.
  • Quando entrar em contato com o médico ou ir ao pronto-socorro?
  • Na hora do acidente:
  • Se o sangramento não parar apesar de você aplicar pressão direta na área afetada por 10 minutos;
  • Se a ferida tiver alguma sujeira que não possa ser limpa;
  • Se o corte estiver muito aberto;
  • Se o corte for profundo ou se ossos ou tendões estiverem expostos.
  • Depois de cuidar do corte:
  • Se o corte parecer infectado (por exemplo, se há pus);
  • Se o inchaço e a dor aumentarem depois de 48 horas;
  • Se a ferida não estiver cicatrizada depois de 10 dias.

Esperamos que não haja necessidade de entrar em contato com o seu médico, e que os acidentes que seu filho venha a sofrer sejam mínimos. Confie nos seus instintos para lidar com a situação e saber como cuidar adequadamente do seu filho.

Com que frequência devo dar banho no meu bebê?

Enquanto seu bebê não estiver se movimentando por toda a casa, não é necessário dar um banho por dia nele. A Academia Americana de Pediatria (AAP) recomenda dar banho no seu bebê cerca de três vezes por semana durante o primeiro ano de vida para evitar o ressecamento da pele. Bebês têm uma pele muito delicada, que é lubrificada para sua proteção. No entanto, em muitas culturas ao redor do mundo – como a brasileira – existe o costume de tomar banho diariamente. Cada mãe sabe o quanto seu filho transpira ou fica sujo, então é melhor decidir a frequência dos banhos de acordo com seus instintos e com as recomendações médicas. Em alguns casos, os pediatras sugerem que você dê banho no seu bebê todos os dias, especialmente se o clima for muito úmido ou quente. Um banho pode ser muito relaxante para o seu bebê, e é um excelente começo para a rotina de dormir.

Independentemente de você decidir dar banho no seu filho todos os dias ou não, você deve sempre se certificar de manter a área da fralda em seu corpo limpa depois de trocar a fralda. Da mesma forma, você deve ter um cuidado extra com a área do pescoço e com as dobras do corpo. Essas áreas tendem a acumular suor, sujeira e fiapos. Passe um pano de algodão úmido pelas dobras para garantir que seu bebê fique limpo e feliz!

A hora do banho é um momento agradável e relaxante para o seu bebê; ela não tem apenas a higiene como finalidade. O banho é um bom começo para a rotina de dormir! Tente fazer com que seja um momento de silêncio sem preocupações, pois isso ajudará seu bebê a reconhecer que está quase na hora de ir para a cama. Apenas lembre-se de não dar banho no seu bebê logo antes ou depois das mamadas ou refeições, porque, por um lado, é menos provável que um bebê faminto coopere, e, por outro lado, o movimento pode causar refluxo. O banho deve ser um momento de relaxamento e ternura, por isso, lembre-se de dar muito amor ao seu bebê. É muito comum o bebê chorar ou mostrar resistência à água nas primeiras vezes, já que é algo muito novo. Certifique-se de oferecer apoio, amor e uma sensação de segurança para tornar o processo menos perturbador.

Banho divertido!

Você pode achar que os banhos são desconfortáveis ​​para o seu bebê. Você tira a roupa dele e ele sente frio, e então você o molha sem sua permissão! Isso pode assustar você ou o seu bebê, causando um alvoroço. Nem sempre tem que ser assim! Se nos esforçarmos para tornar o banho o mais confortável, relaxante e divertido possível, nossos filhos podem acabar gostando dele!

Para ajudar nossos filhos a se adaptarem à hora do banho, precisamos estar calmos e confiantes. Talvez seja algo muito novo para você também, e pode ser um pouco estressante, mas lembre-se de que os bebês percebem emoções, então, respire fundo e tenha empatia com o seu filho! Você logo verá que a hora do banho é uma oportunidade perfeita para construir laços afetivos. Além disso, estudos mostraram que o banho do nosso bebê também pode nos relaxar! Durante este estágio, os bebês são jovens demais para brincar, mas nunca se cansam do nosso afeto. Com isso em mente, você pode fazer o seguinte para tornar o banho uma experiência divertida e agradável para você e o seu bebê:

  • Cante para o seu bebê enquanto você dá banho nele. Ele certamente irá amar, e isso aumentará suas habilidades musicais e linguísticas!
  • Converse com seu bebê e guie-o pelo processo. Você pode contar uma história ou simplesmente conversar com ele sobre o que você está fazendo. Use a “fala de bebê”, com diferentes entonações, volumes e cadências – as crianças gostam muito e se beneficiam disso!
  • Estimule a linguagem do seu bebê, nomeando cada parte do corpo dele enquanto a limpa. Você pode usar vozes engraçadas deixar a brincadeira mais interessante. Lembre-se de demonstrar muito carinho!
  • Por fim, tente dar banho no seu filho sempre no mesmo horário, para que ele comece a se acostumar com uma rotina e a se antecipar para esse momento.

Como ensinar meu filho a se vestir

À medida que seu filho cresce, ele ganhará habilidades que lhe permitirão ser mais independente. Nesse estágio, cada nova experiência de aprendizado é crucial, pois o ajuda a se adaptar ao mundo ao seu redor. Depois do primeiro aniversário, as crianças começam a adquirir novas habilidades que lhes permitem confiar um pouco mais em si mesmas. Uma dessas habilidades é começar a se vestir, o que acontece por volta dos 24 meses. Cada criança se desenvolve em seu próprio ritmo – algumas crianças podem começar mais cedo, e outras, mais tarde. A maioria das crianças adquire este e outros marcos de desenvolvimento relacionados aos cuidados pessoais até completar quatro anos de idade.

Quando seu filho completa dois anos, é um bom momento para começar a ensiná-lo a se vestir. Essa é uma tarefa desafiadora, e levará um tempo até que ele consiga fazer isso sozinho, mas, com a prática, ele irá melhorar gradualmente, até conseguir dominar essa tarefa. Este é um momento emocionante para o seu filho, pois dá a ele uma sensação de autonomia – se vestir como a mamãe e o papai fazem. Não importa se ele consegue colocar apenas uma peça de roupa – lembre-se de sempre elogiá-lo por seus esforços. Isso é muito importante para ele! Da mesma forma, não se surpreenda se o seu filho colocar os sapatos nos pés errados, pois tudo faz parte do processo de aprendizagem. Comece a ensinar seu filho a se vestir assim que possível, sempre procurando pelos sinais de interesse e iniciativa dele.

As melhores roupas para aprender a se vestir são:

  • Calça com cintura elástica;
  • Sapatos de velcro;
  • Roupas com velcro, ao invés de botões ou laços;
  • Blusas com um decote largo e ilustrações na frente, para que ele possa identificar facilmente como vesti-las.

Dicas e truques que ajudarão seu filho a aprender a se vestir sozinho:

  • Elogie sempre suas conquistas, por menores que sejam. Para nossos filhos, tudo é importante, e isso os incentivará a continuar aprendendo.
  • Deixe seu filho escolher entre duas ou três opções de roupas. Isso lhe dará uma sensação maior de autonomia.
  • Lembre-se de escolher roupas fáceis de vestir.
  • Ensine seu filho a encontrar as etiquetas nas blusas, e diga a ele que elas sempre ficam nas costas. Faça o mesmo com as calças, explicando que os bolsos grandes também ficam na parte de trás.
  • Se ele começar a abotoar suas camisas, ensine-o a começar de baixo para cima, para que ele não pule nenhum botão.
  • Para os sapatos, você pode desenhar dois rostos felizes e dizer ao seu filho que, quando os rostos estiverem de frente um para o outro, eles estarão na posição correta.
  • Estabeleça uma rotina. Para começar, ela pode incluir tomar banho, se secar, vestir os pijamas e jantar.
  • Divirta-se! Você pode inventar uma música para se vestir ou simplesmente tocar uma música especial. Você também pode contar, para ver quanto tempo seu filho leva para se vestir. Muitas crianças adoram correr contra o relógio.
  • Encontre um momento descontraído para praticar se vestir, e lembre-se de ser paciente com o seu filho.

O que eu faço quando estou com pressa?

Sabemos que, apesar de querermos deixar nossos filhos se vestirem sozinhos sempre, o mundo gira em ritmo acelerado e nem sempre temos tempo suficiente para isso. Sendo assim, é importante explicar ao seu filho que haverá dias em que você terá que vesti-lo. Diga que, quando isso acontecer, ele poderá praticar à noite ou em outra oportunidade. Também tenha em mente que você provavelmente terá que repetir as instruções muitas vezes. As crianças aprendem rápido, mas precisam de prática, especialmente com uma tarefa tão desafiadora como essa.

A primeira visita ao dentista e a higiene dental em casa

Apesar de os dentes das crianças não serem permanentes – eles irão cair eventualmente – é muito importante cuidar deles assim que começam a aparecer. Os dentes do seu bebê formarão sua boca, o ajudarão a mastigar bem e a falar com clareza.

Geralmente, os primeiros dentes que aparecem são os dois centrais inferiores. O primeiro dente pode nascer quando seu bebê tem entre 6 e 10 meses de idade. Assim que isso acontecer, esse dente precisará de atenção e cuidados especiais.

Você pode estar se perguntando se precisa levar o seu bebê ao dentista desde o aparecimento do primeiro dente. Especialistas têm muitas opiniões diferentes sobre isso. No entanto, eles concordam que, antes de completar um ano, seu bebê deve ter sua primeira consulta. Com isso em mente, você pode optar por tomar precauções em casa antes de levar seu bebê ao dentista.

Como eu cuido dos dentes do meu bebê em casa?

  • Quando o primeiro dente aparecer, compre uma escova de dente específica para bebês, certificando-se de que as cerdas sejam bem macias.
  • Para escovar os dentes dele, use um pingo de creme dental com flúor (não maior que um grão de arroz).
  • Passe a escova de dente delicadamente pela boca do seu filho, limpando bem os dentinhos.
  • Não se preocupe em enxaguar a boca do seu filho. Apenas certifique-se de usar muito pouco creme dental, e isso não será um problema.
  • Escove os dentes dele duas vezes por dia – uma vez pela manhã, depois do café da manhã, e uma vez à noite, após o jantar ou a mamada noturna.
  • Por fim, não deixe seu bebê dormir com uma mamadeira com leite ou suco no berço. Isso pode levar ao surgimento de cáries.

Por que devo limpar os dentes do meu bebê?

É muito importante limpar os dentes do seu bebê, pois traços de leite ou pedaços de comida podem permanecer na boca dele, levando ao crescimento de bactérias e a uma liberação de ácido que pode provocar o surgimento de cáries. Além disso, começar a limpar os dentes do seu bebê desde cedo o incentivará a ter hábitos saudáveis. Isso ajudará a facilitar a transição quando seu filho tiver idade suficiente para escovar os dentes sozinho.

Se seu filho ainda não tiver dentes, não se preocupe – é apenas uma questão de esperar, e eles logo aparecerão!

Como cuidar dos dentes do meu filho

Quando seu bebê estiver com quase dois anos, provavelmente terá muitos dentes, que lhe permitirão morder e articular palavras. Talvez nem todos os dentes tenham saído ainda, mas eles logo aparecerão. Nessa fase, os caninos, também conhecidos como presas, devem sair, e ele exibirá um novo sorriso radiante!

Os dentes dos bebês, também conhecidos como dentes de leite ou dentes decíduos, são temporários. Conforme seu bebê cresce, ele irá perdê-los, de modo a deixar espaço para os dentes permanentes. O fato de eles serem temporários não significa que podemos negligenciá-los. Pelo contrário: assim como os dentes permanentes, os dentes de leite estão sujeitos a cáries e abscessos dentários se não forem bem cuidados. Além disso, lembre-se de que ensinar hábitos saudáveis ​​de higiene para as crianças desde cedo ajudará a promover a higiene no futuro.

Você tem cuidado dos dentes do seu filho, e agora é hora de dar o próximo passo. É hora de ensinar seu filho a cuspir depois de escovar os dentes. Diga a ele que, depois de lavar a boca, ele deverá cuspir o creme dental. Mostre a ele como fazer isso, e depois peça que ele a imite. Instrua-o a cuspir somente na pia, e só depois que ele terminar de escovar os dentes. Evite dar água para ele enxaguar a boca, pois, nessa idade, é mais provável que ele engula ao invés de cuspir.

Pratique este novo hábito diariamente. Seu filho provavelmente vai querer ter o controle da escova de dente, e isso é muito bom! Comece a ensinar a ele os movimentos adequados, segurando a escova de dente junto com ele e escovando de cima para baixo. Não espere que seu filho domine a arte de escovar os dentes imediatamente. Levará tempo para ele aprender os movimentos certos. É por isso que é tão importante que você sempre o acompanhe e o lembre de como fazer isso. Lembre-se de tornar a escovação uma atividade divertida e envolvente, e de permitir que seu filho também veja você escovar os dentes, pois as crianças aprendem por meio da imitação.

Meu filho é muito grande para a banheira de bebê?

Seu bebê cresceu muito, e é provável que esteja muito grande para a pia ou para sua banheira de bebê. Além disso, ele espalha água para todo lado! Se você está se perguntando o que fazer, aqui estão algumas opções.

Se você tem banheira em casa, você pode optar por comprar uma banheira de bebê maior e portátil, e colocá-la dentro da sua. Para evitar escorregões, primeiro coloque um tapete de borracha no fundo da sua banheira e, em seguida, coloque a banheira do seu filho. Você não precisa necessariamente usar uma banheira portátil. Se seu bebê consegue ficar sentado sem qualquer apoio, ele está pronto para este grande passo! Tudo o que você precisa é de um tapete de borracha no fundo da banheira e dos brinquedos de banho dele. Seu filho terá um amplo espaço para brincar, então, é provável que ele nem queira sair do banho! No entanto, apesar de ter mais controle sobre o próprio corpo, ele ainda precisa da sua atenção absoluta. É importante encher a banheira com pouca água, para evitar acidentes. Verifique a temperatura da água com o cotovelo antes de colocar seu bebê nela. Não atenda ao telefone ou resolva outros problemas durante esse processo. Se você tiver uma emergência durante o banho do seu bebê, tire-o da banheira, envolva-o em uma toalha e leve-o a um lugar seguro antes de fazer qualquer outra coisa. Lembre-se de fazer da hora do banho um momento divertido e relaxante para o seu bebê.

Se você tem só o chuveiro, não há problema. Você pode escolher uma banheira portátil maior e colocá-la no box, abaixo do chuveiro. Se seu bebê consegue se sentar sem apoio, ele será capaz de aproveitar o banho em sua banheira confortável, enquanto sente a água caindo do chuveiro. Dar banho no seu filho no chuveiro é muito simples: você deve primeiro colocar um tapete antiderrapante, para evitar que a banheira se mova. Quando a banheira do seu filho estiver colocada com segurança, encha-a com água morna e verifique a temperatura com o cotovelo ou com a parte interna do pulso. Tente usar roupas confortáveis, pois você terá que se agachar e se sentar no chão. É muito importante nunca tirar os olhos do seu bebê. Acidentes podem acontecer em segundos. Então, se por algum motivo, você tiver que deixar o seu filho, tire-o da banheira, cubra-o com a toalha, coloque-o em um lugar seguro, e só então atenda a outras coisas. O banho é uma ótima maneira de começar a preparar seu filho para o sono, então, tente torná-lo agradável e demonstrar muito amor.