X
X
brotoeja em bebê

Brotoeja em bebê: o que é e como tratar?

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

A brotoeja em bebê pode deixá-lo irritado e com dificuldade para dormir. Saiba como identificar esse problema de pele e o que fazer para tratar.

Muito comum no clima quente do verão, a brotoeja em bebê é caracterizada pelo surgimento de bolinhas na pele, causando desconforto nele e preocupação nos pais. Também conhecido como miliária, o problema geralmente é resolvido em poucos dias, mas alguns cuidados com a pele do seu bebê são importantes para trazer alívio.

Neste artigo, entenda quais são os principais sintomas da brotoeja, como fazer para evitá-la e os tratamentos mais indicados. Boa leitura!

O que é a brotoeja?

Brotoeja é uma dermatite inflamatória que costuma surgir em bebês e crianças pequenas principalmente no verão, época em que o clima é mais quente e úmido. O suor em excesso causado pelo calor obstrui as glândulas sudoríparas do bebê, bloqueando a transpiração. Assim, em vez de evaporar, o suor fica preso à pele e acaba inflamando.

Baixe o app Kinedu e acesse aulas de especialistas em saúde do bebê e muitos outros temas!

Essa inflamação faz com que pequenas protuberâncias de aspecto avermelhado ou esbranquiçado apareçam no local. As regiões mais comuns para o surgimento da brotoeja são o rosto, a área da fralda, a parte superior do tórax e as dobrinhas do bebê, como braços, pernas e pescoço.

Quando atingem as camadas mais superficiais da pele, as bolinhas são transparentes, têm aspecto úmido e se rompem facilmente. Também podem provocar sintomas como inchaço, coceira ou formigamento, deixando o seu bebê desconfortável e irritadiço. Em alguns casos, quando os canais de suor são bloqueados em camadas mais profundas da pele, as bolhas da brotoeja podem se encher de pus e inflamar.

X
banner kinedu saúde

Quais as causas mais comuns da brotoeja em bebê?

Um dos motivos de a brotoeja ser mais comum em bebês, em especial recém-nascidos, é o fato de seus dutos de suor não estarem totalmente desenvolvidos. Como resultado, eles acabam bloqueados ou se rompendo mais facilmente, obstruindo a transpiração.

Outros fatores que podem bloquear a saída do suor da pele do seu bebê são:

  • clima tropical quente e úmido;
  • agasalho em excesso;
  • transpiração causada por febre;
  • bebê aquecido na incubadora.

Como tratar a brotoeja nos bebês?

Agora que você já sabe o que é e as causas mais comuns de brotoeja em bebê, como tratar é o próximo passo. Na maioria dos casos, esse problema desaparece sozinho, sem a necessidade de cuidados médicos. Porém, é possível aliviar os sintomas e prevenir o surgimento de infecções causadas por bactérias.

Para acalmar a pele do seu bebê, uma dica é dar um banho com água morna e sabonete neutro. Você também pode umedecer um algodão ou toalhinha com água fria e aplicar na área afetada para remover o suor.

Lembre-se de secar bem a região em seguida e evite pomadas ou loções, pois só vão bloquear ainda mais os poros. Se estiver calor, mantenha o seu bebê com roupas leves e que permitam que a pele fique fresca, ou deixe-o um pouco sem roupa.

A brotoeja em bebê costuma desaparecer em cerca de três dias, não causando nenhum tipo de complicação. Mesmo assim, é importante prestar atenção aos sintomas das brotoejas para começar o tratamento o quanto antes, evitando incômodos ao seu bebê e o risco de infecções.

Agora que você já sabe tudo sobre brotoeja em bebê, aproveite para baixar o app Kinedu e conferir as aulas da dra. Katryn Ribeiro sobre a saúde e os cuidados com os bebês em cada fase, além de aulas de outros especialistas sobre diversos assuntos relevantes para pais!

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

bilinguismo

O bilinguismo e o cérebro

Muitos pais conhecem os benefícios que o aprendizado de mais de um idioma pode ter no futuro de uma criança.

Deixe seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *