X
X

6 dicas para pais de primeira viagem!

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Se você acabou de virar pai ou mãe, ou está prestes a se tornar um, seu relacionamento e vida a dois mudarão e passarão por um processo de adaptação ao receber um novo membro na família.

É importante que você encare este processo como normal e abrace as mudanças e aprendizagens que virão!

Existem muitos artigos sobre a importância da vida a dois do casal para o bem-estar individual de cada um. Mas, ter um relacionamento saudável e com comunicação aberta com o seu parceiro também impacta positivamente nas suas habilidades como pai ou mãe! Um estudo de 2013 dos psicólogos Clark, Young e Dow, da Universidade do Sul da Flórida, sugeriu que melhorar a qualidade do relacionamento dos pais impacta significativamente nas atitudes parentais. Mais especificamente, os pesquisadores descobriram que, depois de um workshop de seis semanas sobre como se relacionar melhor em casal (que trabalhou as habilidades de comunicação, expressão afetiva, consenso e satisfação), os casais não apenas melhoraram sua parceria, como também suas atitudes parentais. Os pais tornaram-se mais empáticos em relação às necessidades de seus filhos, passaram a acreditar menos nos castigos físicos e voltaram a ser mais pacientes.

X
banner kinedu desenvolvimento

Aqui estão algumas dicas para pais de primeira viagem:

  1. Não faça tudo sozinho. Os casais fortes comunicam suas necessidades com antecedência e com frequência, pois isso evita que você se sinta ressentido com as expectativas não atendidas ou com responsabilidades pouco claras.
  2. Faça um orçamento dedicado ao lazer. Embora o tempo e orçamento financeiro de vocês possa ter mudado radicalmente, pensem em alguns hábitos e coisas que vocês gostavam de fazer quando não tinham filhos. Vejam se é possível resgatá-los e inclui-los ou adaptá-los ao seu novo ritmo de vida. Pode ser desde um passeio matinal de domingo, até assistir a um filme juntos (em casa ou no cinema). A ideia é tentar conectar-se com o seu parceiro através de gostos em comum.
  3. Expresse gratidão. Palavras gentis são muito úteis em fazer com que parceiros sintam-se amados e apreciados por fazerem as centenas de tarefas grandes ou pequenas que realizam todos os dias.
  4. Comecem um novo hobby juntos. Apenas certifiquem-se de que este novo compromisso não ocupará tempo demais. Isso permitirá que vocês tenham novos assuntos para se desconectar das tarefas do dia a dia com filhos.
  5. Conversem frequentemente. Não assuma que vocês estão comunicando-se de forma efetiva apenas porque você e seu parceiro falaram sobre as novas necessidades ao retornarem do hospital. Vocês devem conversar sobre as coisas, adaptar-se à realidade e aceitar os sentimentos e opiniões do outro.
  6. Aproveite esta fase! Lembrem-se de que a infância dos seus filhos é uma fase que passará voando. Portanto, aproveitem esse momento especial para fortalecer o vínculo com a sua família e crescer juntos.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

bilinguismo

O bilinguismo e o cérebro

Muitos pais conhecem os benefícios que o aprendizado de mais de um idioma pode ter no futuro de uma criança.

Deixe seu comentário!

8 comentários em “6 dicas para pais de primeira viagem!”

  1. Pingback: Tecnologia na maternidade: recursos que ajudam a rotina das mamães - Kinedu Blog

  2. Pingback: Os primeiros anos: desenvolvimento motor - Kinedu Blog

  3. Pingback: Tecnologia como aliada para acompanhar o desenvolvimento do bebê - Kinedu Blog

  4. Pingback: Quais são os desafios da maternidade e como superá-los? - Kinedu Blog

  5. Pingback: Os desafios da Maternidade – Vivendo e Aprendendo

  6. Pingback: Por que usar aplicativo para acompanhar o desenvolvimento do bebê? - Kinedu Blog

  7. Pingback: Quais são os desafios da maternidade e como superá-los? - PreviMae

  8. Pingback: 6 lições sobre se tornar mãe - Kinedu Blog

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *