X
X
desenvolvimento da linguagem infantil - mãe falando com bebê

Como são os primeiros anos do desenvolvimento da linguagem infantil?

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

O desenvolvimento da linguagem infantil começa antes mesmo de o seu bebê pronunciar as primeiras palavras. Desde o útero, a criança já está sintonizada com o mundo exterior — ouvindo sua voz e as mudanças de tom. Durante os primeiros meses, ela continuará fazendo isso, descobrindo as regras da linguagem e observando como os adultos ao seu redor a utilizam para se comunicar.

Quer entender melhor como funciona esse marco do desenvolvimento infantil? Então, continue a leitura no nosso post!

Fases do desenvolvimento linguístico de 0 a 4 anos

Conheça as três fases do desenvolvimento da linguagem infantil e saiba o que esperar do seu pequeno falante.

De 0 a 12 meses

Suas primeiras tentativas de linguagem não serão mais do que gritos e balbucios que se transformarão em combinações de vogais e consoantes no terceiro ou quarto mês. Você aprenderá que a linguagem é mais do que palavras — sorrisos e diferentes choros demonstrarão prazer ou desprazer.

As primeiras tentativas de palavras começam em torno dos 3 a 4 meses de vida, quando seu bebê emitirá sons parecidos como “angu” e “angui”. Você pode repeti-los para o seu filho, pois, assim, ele saberá que está estabelecendo uma comunicação. Isso o estimulará a continuar treinando os sons.

Aguarde pelo grande avanço: sua primeira palavra poderá surgir aos 6 meses. No entanto, a associação entre “ma-ma” ou “pa-pa” e você poderá não ocorrer ainda. Você terá que esperar por mais seis meses para isso. Porém, seu bebê provavelmente entende muito mais do que ele consegue pronunciar.

De 1 a 2 anos

Próximo ao aniversário de 1 ano, seu filho, muito provavelmente, já conseguirá associar algumas palavras curtas e que estão sempre presentes na rotina infantil. Ele saberá que “ma-má” (mamadeira) é diferente de “ma-mã” (mamãe), e poderá até balançar a cabeça dizendo “não” caso você dê um brinquedo em vez da mamadeira, por exemplo.

No decorrer dos meses, você perceberá que seu pequeno vai aumentar a quantidade de sons emitidos, formando pequenas frases, praticamente incompreensíveis. Não desanime! É muito normal, e é dessa forma mesmo que acontece o desenvolvimento da linguagem infantil. Aqui, ele já não é mais um bebê e já sabe dizer algumas palavras curtas, ao mesmo tempo em que tentará pronunciar palavras novas e cada vez maiores.

Próximo de completar 2 anos, o desenvolvimento linguístico do seu filho estará mais maduro e você já conseguirá compreender algumas frases. A pronúncia ainda está evoluindo e muitas vezes as pessoas que não convivem com seu filho precisarão de ajuda para entendê-lo.

De 2 a 4 anos

À medida que se aproxima dos 3 anos, a criança já conta com um vocabulário com mais de 300 palavras. Nessa idade, o desenvolvimento linguístico acontece rapidamente. Sabia que, nessa fase, elas podem aprender até 4 palavras por dia? Basta apresentar esse vocabulário a ela e ensinar a pronúncia, além de reforçar com brincadeiras e associações.

Nessa fase, é bem provável que as sentenças já sejam completas, inclusive com a entonação certa de perguntas, surpresas e outras emoções que seu filho possa sentir no momento. Ele, também, conseguirá expressar melhor seus pensamentos, mas não ainda de maneira completa. Então, é bem possível que ele diga que está com fome, que quer ir ao banheiro ou que está com sono.

Aqui também se inicia a etapa das perguntas “por que” e “o que”, demonstrando como a criança está curiosa, evoluída, observadora e atenta.

Caso você comece a questionar a evolução de seu filho, procure seu médico pediatra para entender melhor as fases que ele está passando. Tente ter calma e se lembrar que cada criança tem seu próprio ritmo de desenvolvimento.

X
banner kinedu desenvolvimento

Há crianças que caminham cedo e começam a falar tarde. Existem aquelas que invertem essa ordem (falam cedo e caminham mais tarde) e, também, as que desenvolvem ambos os estágios tardiamente — quase que de supetão, andando e falando ao mesmo tempo. Então, segure seu coração e curta a fase em que a criança está, sem pressa de que ela evolua tão rapidamente para a próxima etapa.

Estimulando o desenvolvimento da linguagem infantil

Existem várias maneiras de você ajudar no desenvolvimento da linguagem da sua criança — e não se preocupe, não é nada muito complicado! Veja abaixo algumas dicas valiosas.

Converse pertinho do bebê

Uma das coisas mais importantes a fazer é conversar com ele, e preferencialmente bem de perto. Não precisa falar sem parar, apenas converse com o seu bebê para expô-lo ao vocabulário e estimular a atenção que ele precisa para o desenvolvimento de suas habilidades linguísticas.

Falar em um tom melódico e divertido, como muitos adultos fazem para conversar com bebês, é especialmente benéfico para ajudar no aprendizado, então não tenha receio de fazer isso.

Porém, atenção: a voz e palavras infantilizadas (“mimi” em vez de dormir) são bons estímulos apenas nos primeiros meses, pois a criança vai imitar com balbucios e pequenos gritos. Já a partir da segunda fase, de 1 a 2 anos, não é mais recomendado utilizar essa técnica, pois as palavras erradas limitarão a capacidade de desenvolvimento linguístico.

É importante que o vocabulário infantil seja tão rico e correto quanto o dos adultos da casa, pois a fala será a maneira que seu bebê usará para se comunicar. Como estabelecer uma comunicação saudável sem que a criança conheça as palavras certas? Pense nisso.

Leia com a criança

Outra coisa que você pode fazer é ler para o seu bebê. Alguns minutos por dia já são suficientes para ensiná-lo sobre a estrutura das frases e os tons adequados, além de mantê-lo entretido. A criança estará aprendendo novas palavras a um ritmo incrível. Então os livros também são boas maneiras de melhorar o vocabulário.

Sente-se de maneira que a criança consiga ver as páginas do livro, mesmo que ela não consiga entender o que está escrito ou desenhado. A associação visual das palavras com o som que está sendo escutado ajudará no desenvolvimento infantil, estimulando a conhecer letras e formas. Essa técnica também estimula a atenção da criança, unindo visão e audição para compreender a história.

Incentive a prática dos sons

Para seu bebê, é importante que você o ouça e dê um feedback positivo sobre o que foi dito. Ou seja, se você for receptivo ao balbucio do seu filho, ele entenderá que essa é uma maneira de estabelecer uma comunicação com você. Lembre-se, a comunicação é importante para o desenvolvimento da linguagem infantil.

Então, quando seu bebê der gritinhos ou tentar dizer algo que pareça que está chamando sua atenção, volte-se para ele e comece a conversar. Pode não haver entendimento nesses diálogos iniciais, mas isso vai incentivá-lo a continuar praticando. O mesmo se aplica quando ele começar a usar suas primeiras palavras e elaborar frases curtas.

Aumente o vocabulário infantil

Uma ótima forma de aumentar o vocabulário da criança e estimular o desenvolvimento da linguagem infantil é trabalhar com técnicas lúdicas. A música é uma delas. Procure músicas infantis que ensinem nomes do corpo, de animais e de comidas — esses elementos são muito presentes no cotidiano dos pequenos e, por isso, essas músicas ajudam a associar melhor os objetos com as palavras.

Poesia e rimas também são práticas excelentes, pois os sons que são parecidos e se encaixam rimando são mais atraentes e, às vezes, engraçados. Esses fatores estimulam a criança a participar da brincadeira e leitura, desenvolvendo a fala e melhorando a pronúncia.

Uma coisa importante a considerar é que os bebês usufruem melhor dos benefícios linguísticos quando uma pessoa de verdade está falando com eles. As tecnologias — como TV, tablet, celular e rádio — não têm o mesmo impacto positivo no desenvolvimento da linguagem infantil nos primeiros meses. Claro que essas são ótimas ferramentas para aprendizagem lúdica, mas não devem ser as únicas.

Toda criança tem seu próprio ritmo para começar a falar. Entretanto, existem coisas que você pode fazer para ajudar. O Kinedu tem dezenas de atividades para estimular a área linguística do seu bebê. Então, baixe o app do Kinedu e comece hoje mesmo!

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

bilinguismo

O bilinguismo e o cérebro

Muitos pais conhecem os benefícios que o aprendizado de mais de um idioma pode ter no futuro de uma criança.

Deixe seu comentário!