O universo escolar faz parte da vida de uma criança durante muitos anos. Se o seu filho está conhecendo esse novo mundo agora ou se já frequenta creches ou escolinhas desde os seus primeiros meses, saiba que a participação dos pais é muito importante.

Isso mesmo! O interesse dos pais pelo desenvolvimento escolar de seu filho traz inúmeros benefícios ao aprendizado da criança e, até mesmo, equilíbrio emocional. E esse acompanhamento vai muito além da fase de adaptação — aqueles primeiros dias em que o pequeno vai para a escola ou muda de instituição de ensino.

Falamos aqui sobre a participação no dia a dia escolar. Quer saber por que o seu interesse pelas atividades do seu filho é tão importante e como acompanhar? Confira agora mesmo!

Os benefícios do acompanhamento dos pais

Desde os primeiros meses da vida, o bebê enxerga em seus pais um porto seguro. Geralmente, são eles que estão lá, criando os primeiros vínculos e transmitindo uma sensação de segurança — que, se bem construída, vai perdurar por toda a vida desse pequeno indivíduo.

E não é diferente quando a criança vai para a escola. Diante do novo e do desconhecido, ter os pais por perto é uma força fundamental para encarar o desafio e seguir em frente.

Superado esse medo inicial, com o pequeno aprendiz já adaptado à rotina da escola e cheio de novos amiguinhos, não é hora de deixá-lo sozinho nessa jornada. Ao perceber que os pais se interessam por seus estudos e suas experiências escolares, a criança se sente valorizada e amparada, caso surja algum problema (tanto de relacionamento quanto de aprendizagem).

Assim, alguns benefícios notáveis são:

  • fortalecimento da autoestima, pois com o apoio dos pais, a criança vai se tornando mais confiante e segura;
  • desenvolvimento escolar superior, pois há apoio e motivação dentro de casa para seguir com as atividades;
  • vínculo ainda maior, pois a criança transmite para os pais o que acontece na escola e eles, por sua vez, ficam sabendo quem são seus amigos, suas preferências e facilidades dentro do ambiente escolar.

As maneiras de participar

Mas, afinal, como participar do desenvolvimento escolar do seu filho sem parecer invasivo ou intrometido demais? Por receio de acabar atrapalhando — ou, até mesmo, ver o filho “empurrando” as suas atividades para os pais, muitos preferem não participar.

Mas saiba que há formas bastante eficientes de acompanhar a criança. Veja só!

Visite o local

Vale a pena conhecer e explorar esse cantinho especial da vida do seu filho! Sempre que possível, entre na escola (quando vai deixar ou buscar a criança, por exemplo), peça para que ela mostre a sala de aula, seu lugar de sentar, os trabalhos — que certamente estarão pelas paredes — e seus locais preferidos, como a quadra, ou ainda algum brinquedo.

Além disso, esteja de olho se a escola costuma realizar eventos abertos para a família, como uma feira literária ou de ciências, além dos tradicionais Dia das Mães ou dos Pais.

App Kinedu Desenvolvimento do bebePowered by Rock Convert

Acredite, seu filho vai ficar orgulhoso de apresentar a você esse mundo que ele vem desbravando com tanto talento e coragem!

Converse com os professores

Aproveite essas visitas rápidas para conversar com os professores, nem que seja sobre assuntos cotidianos. Conheça quem são as pessoas que estão passando algumas horas do dia com o seu filho — e não espere apenas as reuniões previamente agendadas para isso.

Saber o nome dos professores e mostrar proximidade com eles vai trazer mais segurança para o seu filho, além de gerar boas conversas entre vocês dois.

Incentive o aprendizado dentro de casa

Que tal criar na sua casa um ambiente que continue estimulando o aprendizado e o interesse pelas atividades escolares?

Se o seu filho já está sendo alfabetizado, experimente criar um cantinho todo especial (e tranquilo!) para os estudos, com mesa, cadeira, lápis e prateleira para livros, por exemplo. Ele, provavelmente, vai achar o máximo e se sentir muito importante com a nova conquista!

Para deixar esses momentos mais interessantes e divertidos, envolva-se com as tarefas de casa (sem fazer a atividade no lugar da criança), proponha jogos e hobbies com valor educativo e, desde cedo, priorize a leitura — nem que seja por apenas alguns minutos antes de dormir.

A importância da participação familiar

Como dissemos no início, ter os pais por perto nessa fase tão importante vai muito além de beneficiar o desenvolvimento escolar da criança.

A participação ativa dos pais, especialmente na primeira infância, é fundamental para que o pequeno desenvolva características como:

  • segurança;
  • estabilidade emocional;
  • autoestima;
  • bom relacionamento com os colegas;
  • independência.

Exatamente: independência! Ao contrário do que possa parecer, um pequenino que tem a presença dos pais se torna um indivíduo mais independente no futuro, justamente por ter recebido apoio e segurança nos primeiros anos de sua vida — tão cruciais para o seu desenvolvimento e formação como ser humano. Portanto, não pense que participar das atividades escolares vai deixar o seu filho preguiçoso, ok?

Além disso, o acompanhamento de perto por parte de toda a família ajuda a fortalecer alguns aspectos fundamentais que a criança está desenvolvendo nesses primeiros anos no ambiente escolar. Você pode, participando do desenvolvimento escolar do seu filho, auxiliar a:

  • desenvolver a atenção;
  • mostrar a importância do trabalho em equipe;
  • ensinar a ser resiliente;
  • mostrar a importância de respeitar as outras pessoas;
  • desenvolver o conhecimento corporal;
  • estimular a criatividade, a imaginação e o raciocínio lógico;
  • definir regras e limites;
  • desenvolver competências socioemocionais.

Viu só como a sua participação é fundamental e vai muito além dos aprendizados sobre palavras e números? É fascinante como sempre temos muito a aprender — e a ensinar aos nossos filhos —, especialmente por meio do afeto e do real interesse pelo seu desenvolvimento escolar. Saiba que os frutos da sua atenção serão colhidos por toda a vida e irão muito além das notas do boletim.

Falando em participar, confira agora mesmo como a atenção e as interações influenciam no desenvolvimento da linguagem da criança!