X
X
gravidez semana a semana - gestante com as mãos na barriga

Gravidez semana a semana: entenda como funciona essa contagem!

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Quem nunca se pegou confuso ao ouvir uma mulher dizer que está grávida de 28 semanas que atire a primeira mamadeira!

A contagem da gravidez semana a semana pode parecer um pouco complicada em um primeiro momento, mas é simples de entender. Além disso, é a melhor forma de acompanhar o desenvolvimento do bebê.

Então, chega de confusão! Vamos explicar agora porque a contagem é feita dessa forma e como acompanhar as semanas até o tão sonhado dia do parto. Confira!

Por que contar a gravidez semana a semana

Como dito, o cálculo da gestação semana a semana ajuda a acompanhar o desenvolvimento do seu bebê de uma forma mais precisa e segura. Isso porque o seu pequeno se desenvolve muito rapidamente, e graças aos avanços da medicina, foi possível perceber que esse controle semanal permite monitorar marcos importantes de crescimento — e intervir o mais depressa possível, se for preciso.

Durante cada semana, por exemplo, o seu bebê cresce cerca de 1 a 2 cm e engorda cerca de 200 gramas. Ou seja, por meio da contagem semanal, é possível acompanhar se ele está se desenvolvendo dentro do esperado.

Como contar as semanas

Se você é mamãe de primeira viagem, ainda pode estar na dúvida sobre a forma correta de contar as semanas. Então, vamos lá!

Para calcular a sua idade gestacional, é preciso saber a data da sua última menstruação (DUM). O primeiro dia da sua última menstruação é o primeiro dia da primeira semana da sua gravidez. Se a sua DUM foi há 6 semanas, você está na sexta semana!

X
banner kinedu prenatal pt

Estranho começar a contar a gravidez se você nem estava grávida ainda, não é verdade? Mas o cálculo foi definido assim porque, afinal, é muito difícil saber, com exatidão quando ocorreu a fecundação: pode não ter sido exatamente no dia em que você teve relação sexual, pois os espermatozoides podem viver até 7 dias no corpo da mulher — e fecundar o óvulo a qualquer momento dentro desse período.

Também é possível definir a idade gestacional por meio do ultrassom, da altura uterina e da quantidade de Beta HCG no sangue da nova mamãe. Por isso, é sempre importante ter o acompanhamento de um médico durante toda a gestação.

Como calcular a data prevista do parto

Agora que você já aprendeu a contar as semanas da sua gravidez, basta saber que por volta da semana 40ª o seu bebê estará em seus braços.

No Brasil, os médicos preferem aguardar o nascimento natural até a 41ª semana — isso, claro, em uma gestação tranquila e que não traga riscos nem para a mãe, nem para o bebê. Em outros países, essa espera pode chegar até a 42ª semana.

Outro dado importante é que, a partir da semana 37ª, o seu pequeno não será mais considerado um prematuro. Ou seja, o parto já pode acontecer normalmente a partir dessa semana. Seu bebê já estará prontinho para chegar, se ele quiser.

Viu só como acompanhar a gravidez semana a semana não é tão difícil? Logo nas primeiras semanas você vai se acostumar, e rapidinho estará explicando para todos como fazer essa conta!

De toda forma, deixaremos abaixo uma Calculadora Gestacional para que você possa realizar essa contagem de forma rápida e fácil! A calculadora vai ajudar você a descobrir com quantas semanas de gravidez está e a provável data do parto.

Aproveite cada dia da sua gestação sem ansiedade e com muito amor, pois o seu filho vai chegar bem depressa! E para saber mais sobre o desenvolvimento do seu bebê, que tal baixar o aplicativo Kinedu?

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

bilinguismo

O bilinguismo e o cérebro

Muitos pais conhecem os benefícios que o aprendizado de mais de um idioma pode ter no futuro de uma criança.

Deixe seu comentário!

9 comentários em “Gravidez semana a semana: entenda como funciona essa contagem!”

  1. Pingback: Calculadora gestacional: descubra em que semana da gravidez você está! - Kinedu Blog

  2. Pingback: Saiba o tamanho do bebê de acordo com cada fase - Kinedu Blog

  3. Pingback: Quais são os primeiros sintomas de gravidez? - Kinedu Blog

  4. Pingback: Teste da orelhinha: o que é e por que ele é importante para os bebês? - Kinedu Blog

  5. Pingback: Afinal, é normal ter dor de cabeça na gravidez? - Kinedu Blog

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *