X
X
bebê aprendendo a andar

Com quantos meses o bebê começa a andar?

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

Ajude o seu bebê a dormir melhor.

X
X

Os primeiros passos do bebê são esperados ansiosamente por todos os pais. À medida que você observa seu filho crescer e se desenvolver durante o primeiro ano, você pode se perguntar: com quantos meses o bebê começa a andar?

Andar parece ser o último grande passo do seu bebê em direção a ser mais independente. Contudo, aprender a andar é o culminar de vários outros marcos e habilidades que seu bebê vem desenvolvendo desde o nascimento.

Assim como acontece com outros marcos motores, cada criança começará a andar em seu próprio tempo, e bebês prematuros seguirão a linha do tempo de sua idade corrigida. Há muito acontecendo enquanto seu bebê está aprendendo a andar, e maneiras com as quais você, como pai ou mãe, pode incentivar seu bebê a andar.

Mas, afinal, com quantos meses o bebê começa a andar?

A linha do tempo de aprender a andar é ampla e variada. Como esse marco requer várias outras habilidades, cada bebê dará seus primeiros passos em momentos diferentes.

Baixe GRÁTIS o Kinedu e acompanhe o desenvolvimento do seu bebê!

A maioria dos bebês começa a andar entre 8 e 18 meses. Em geral, você pode esperar que seu bebê ande de maneira independente cerca de 2 ou 3 meses depois de começar a ficar de pé sozinho.

É importante lembrar que, mesmo depois de dar os primeiros passos, seu bebê continuará aprendendo a andar pelos próximos meses e anos. Cerca de 3 a 6 meses depois dos primeiros passos, seu bebê começará a andar com mais confiança e fluidez, levando mais 5 ou 6 anos para ter um andar similar ao dos adultos.

Muitos fatores contribuem para os primeiros passos do seu bebê. Ao ficar de bruços, sentar, engatinhar, ficar de pé e andar com apoio, seu bebê estará fortalecendo seus músculos e se preparando para andar.

Como incentivar o bebê a andar?

Com quantos meses o bebê começa a andar vai depender de muitas variáveis e conjuntos de habilidades, mas existem algumas atividades e formas com as quais você pode interagir com seu filho para ajudá-lo a fortalecer os músculos, desenvolver essas habilidades e se preparar para os próximos passos. 

Ajudando-o a ficar de pé

Depois dos 4 meses, seu bebê pode começar a tentar ficar de pé. Esse marco normalmente acontece próximo de quando seu bebê está aprendendo a se sentar sozinho ou praticando se sentar com ajuda. 

Ele pode fazer isso se segurando nos móveis ou na mão de um dos pais ou cuidadores. Você pode ajudar seu bebê a praticar dedicando um tempo a ajudá-lo a se levantar. Sente-se no chão com seu bebê, segure gentilmente suas mãos ou braços e puxe-o suavemente para cima, para que ele fique de pé.

Se alongando no banquinho

Como incentivar o bebê a andar é sobre praticar habilidades e desenvolver os músculos. Essa atividade ajuda a fortalecer os músculos das costas, pernas e braços do seu bebê, para prepará-lo para a coordenação e equilíbrio que ele irá precisar para começar a andar.

Para começar essa atividade com seu bebê, você precisará de um banquinho pequeno sem encosto. Sente seu bebê no banquinho e coloque os brinquedos dele no chão, perto dele. Comece incentivando o seu pequeno a se curvar e pegar um dos objetos. À medida que o equilíbrio dele estiver melhorando, você pode dificultar um pouco, colocando os brinquedos mais longe.

Andando com apoio de móveis

Caminhar com suporte é um dos precursores mais imediatos à andar. Assim que seu bebê começar a andar se apoiando em móveis ou na sua mão, você pode esperar pelos primeiros passos depois de 2 a 3 meses. Contudo, essa é apenas uma estimativa, pois seu bebê seguirá seu próprio tempo.

X
banner kinedu desenvolvimento

Ao movimentar-se pelo cômodo usando os móveis para ajudá-lo a andar, seu bebê estará praticando não só a coordenação motora grossa, como também a consciência espacial e as habilidades de resolução de problemas.

Incentive seu pequeno a ir de um móvel a outro. Você pode estimular seu bebê a começar a andar com apoio colocando o brinquedo ou item favorito dele no sofá e orientando-o a ficar de pé para alcançá-lo.

Você também pode ajudá-lo colocando-o de pé e posicionando as mãos dele em um móvel. Eventualmente, seu pequeno começará a andar com apoio por conta própria!

Andando com o apoio das suas mãos

Essa é uma das maneiras mais fáceis de ajudar seu bebê a praticar andar. Coloque seu bebê sentado no chão, fique atrás dele e segure suas mãos. Ajude-o a levantar e, gentilmente, puxe um braço para frente, seguido pelo outro. Seu bebê seguirá esses movimentos com os pés quando os quadris começarem a girar.

Praticar essa atividade com o seu bebê tanto quanto puder irá aumentar sua confiança, fortalecer suas pernas e abdômen, além de familiarizá-lo com os movimentos corporais necessários para conseguir andar sozinho.

Baixe o app do Kinedu e acesse diversas atividades criadas por especialistas em desenvolvimento infantil para ajudar seu bebê a aprender a andar e desenvolver muitas outras habilidades!

O andador ajuda o bebê a andar mais rápido?

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) recomenda fortemente não usar andador para incentivar os bebês a andar. Embora o nome “andador” dê a entender que esses dispositivos podem ajudar seu pequeno a desenvolver as habilidades necessárias para alcançar esse marco importante, na verdade, andadores podem ter o efeito oposto.

Usar um andador de bebê pode prejudicar a capacidade do seu filho de aprender a andar, pois:

  • Elimina o tempo no chão, que é importante para seu bebê desenvolver coordenação e força muscular, bem como para aprender a sustentar o peso sobre a pélvis e os ombros enquanto engatinha;
  • Cria um uso não natural do corpo e músculos, o que pode resultar em atrasos no controle muscular e senso de profundidade;
  • Incentiva os bebês a andarem nas pontas dos pés, resultando em tensão nos músculos das pernas e atrasos na caminhada independente;
  • Pula os importantes marcos de se colocar de pé e caminhar apoiando-se em móveis, que são essenciais para o desenvolvimento do equilíbrio, além de serem precursores do marco de andar.

Além de atrasar importantes marcos do desenvolvimento, andadores também são um risco para a segurança. Bebês que usam andadores correm alto risco de cair de escadas, tombar e conseguir alcançar objetos altos e perigosos.

Querer ajudar e incentivar seu bebê a aprender a andar é maravilhoso, e o seu bebê precisa que você participe e o encoraje enquanto ele aprende e desenvolve todas as habilidades necessárias para dar os primeiros passos. Contudo, andadores não são a solução que você está procurando.

Quando se preocupar com o bebê não estar andando?

Com quantos meses o bebê começa a andar é uma das poucas perguntas sobre marcos do desenvolvimento que terá uma resposta com uma gama tão ampla do que é considerado uma idade “normal”. Para pais e cuidadores de bebês prematuros, é importante lembrar que seu bebê irá seguir sua idade corrigida no tocante a marcos importantes.

Como dissemos anteriormente, a maioria dos bebês começará a andar sozinha entre os 8 e 18 meses de idade. Não há necessidade de se preocupar caso seu pequeno tenha completado um ano sem dar os primeiros passos. Contudo, há alguns sinais nos quais você deve ficar de olho para saber quando consultar o seu pediatra.

  1. Se seu filho tem 15 meses ou mais e não deu os primeiros passos, fale com seu pediatra, já que isso pode ser um sinal de alerta de um problema de saúde;
  2. Se o seu filho tem 18 meses ou mais e não anda de maneira independente, fale com seu pediatra para que excluam outra condição de saúde;
  3. Se seu bebê começou a andar e repentinamente não anda mais, fale com seu pediatra o mais rápido possível, pois isso pode ser um sinal de um problema de saúde latente.
  4. Se seu filho tem dois anos ou mais e não tem firmeza ao caminhar ou tropeça e cai com frequência, fale com seu pediatra, pois isso também pode ser um sinal de um problema de saúde.

Como qualquer marco do desenvolvimento, lembre-se de ser paciente consigo mesma e com o seu bebê e de aproveitar o processo de ensiná-lo e ajudá-lo a se desenvolver e crescer. Antes que você perceba, seu bebê estará andando e depois correndo para uma fase completamente nova da vida dele!

Para mais informações e apoio sobre como incentivar o bebê a andar ou alcançar outros marcos, baixe o app do Kinedu e participe de sessões interativas de brincadeiras e aulas com especialistas em desenvolvimento infantil.

Quer receber outros conteúdos como este de graça?

Assine a nossa newsletter e faça parte da comunidade kinedu.

Artigos relacionados

Deixe seu comentário!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *