As atividades para crianças de 1 ano têm como objetivo ajudar no aprendizado de diversas habilidades importantes no desenvolvimento infantil, como física, linguística e cognitiva.

Há quem pense que as brincadeiras são meras distrações, apenas um passatempo. Mas a verdade é que, por meio delas, os pequenos conseguem desenvolver diversas habilidades importantes de uma maneira lúdica e divertida. Pensando nisso, você sabe quais são as melhores atividades para crianças de 1 ano?

Nessa fase, os baixinhos estão descobrindo muita coisa ao mesmo tempo, como fala, locomoção, afetividade e, principalmente, sua independência. Apesar de eles já conseguirem brincar sozinhos, para ter um aprendizado efetivo e seu potencial estimulado, é preciso que os pais ajudem com atividades adequadas.

Neste post, trazemos algumas dicas de brincadeiras que podem ser feitas com bebês de 1 ano para trabalhar o desenvolvimento infantil dessa idade. Para entendê-las, basta continuar a leitura, pois explicamos tim-tim por tim-tim. Vamos lá?

1. Andar sozinho

Por volta de um ano ou um pouco mais é que os bebês começam a andar sozinhos. Por isso, é interessante fortalecer os músculos dos pequenos a fim de prepará-los para mais essa conquista. Para essa atividade, você precisará apenas de uma bola.

Pegue seu filho pelas mãos e coloque o objeto na frente dele. Comece a andar e faça com que ele chute a bola durante os passos. Observe se ele começa a andar em direção à bola, mesmo sem você direcioná-lo.

2. Estimular o tato

Estimular o tato do bebê o ajuda a criar conexões neurais, o que melhora a capacidade cognitiva e a memória. Para essa brincadeira, pegue alguns grãos, como feijão e milho, e coloque em um recipiente. Tire os sapatos do seu filho e faça com que ele encoste os pés nos grãos.

Ali, o pequeno sentirá as diversas texturas com os pezinhos, o que ajudará a desenvolver o tato. Deixe que o seu bebê brinque com os grãos e observe as reações dele. É muito interessante e fofo!

3. Desenvolver coordenação motora

A coordenação motora é o que nos permite fazer movimentos. Quando utiliza grandes músculos, como pernas e braços, é chamada de coordenação motora grossa. Quando usa músculos pequenos, como os dos dedos, é denominada coordenação motora fina.

Para estimular os dois tipos de uma só vez, você pode fazer essa brincadeira de encaixar objetos. Em uma caixa de papelão, faça um buraco um pouco maior que as bolas que você irá usar. Depois, demonstre ao seu filho como colocar as bolas dentro do buraco. Assim, seu pequeno precisará movimentar os braços para ir em direção à bola e as mãos para apanhá-la.

4. Estimular as primeiras palavras

As rimas são capazes de estimular o desenvolvimento linguístico do bebê. Por mais que seu filho ainda não consiga repeti-las no momento, o fato de você repeti-las frequentemente pode fazer com que um dia o seu pequeno possa falar algumas palavras com você.

Powered by Rock Convert

5. Desenvolver apego seguro

O apego seguro é um vínculo criado entre pais e filho que faz com que a criança se sinta segura. Isso ajuda também a desenvolver a autoconfiança e a autoestima, capacidades importantes para o desenvolvimento cognitivo e socioafetivo. Você sabia que a música pode estimular essa questão?

Você pode cantar uma música mantendo contato visual com o seu filho. Colocar o nome dele nas canções. Pedir para que ele acompanhe o ritmo com um tambor ou um chocalho. São atividades simples, mas que estimulam muitas habilidades ao mesmo tempo.

6. Dançar com o bebê

A dança é muito mais que uma atividade física. Além de gastar energia, ela pode estimular as habilidades sociais e de imitação da criança. Para isso, coloque uma música que seu filho goste e dancem! Incentive-o a imitar você fazendo gestos simples. Se tiver mais pessoas na casa, aproveite e convide-as para se juntarem a vocês nessa brincadeira tão divertida!

7. Montar quebra-cabeças

O quebra-cabeça é um jogo que ajuda nas capacidades do indivíduo e pode ser trabalhado desde o primeiro ano até a vida adulta, trazendo muitos benefícios a cada fase. A atividade estimula a memória e a coordenação motora fina.

Para fazer a brincadeira, recorte papéis coloridos em formas geométricas, como quadrado, círculo, retângulo, etc. Depois desenhe o contorno desses formatos em uma folha em branco. Em seguida, peça para que o seu filho “encaixe” cada peça no desenho correspondente.

8. Solucionar problemas

Aprender a resolver problemas é algo que levamos para a vida. Por isso é tão importante estimular essa habilidade no bebê. Nessa atividade, você ensinará ao seu filho um plano para alcançar seus objetos preferidos.

Coloque um brinquedo do bebê fora de alcance. Depois, dê a ele um bastão e mostre como pegar o brinquedo usando esse objeto. Em seguida, deixe que seu filho tente fazer isso sozinho.

9. Treinar o equilíbrio

Por volta de 1 ano é que o bebê começa a aprender a andar. Por esse motivo, é muito importante que você o ajude a treinar o equilíbrio. Essa brincadeira, além de divertida, auxilia nesse sentido.

Pegue um saquinho com alguns grãos, como feijão ou arroz. Dê esse pacote nas mãos do seu filho e peça para que ele ande segurando o objeto. Se estiver muito fácil para ele, você pode aumentar o desafio pedindo para que ele coloque o saquinho na cabeça ou no ombro e ande sem deixar o pacote cair.

10. Estimular o raciocínio

A imitação é uma das maneiras que a criança tem de aprender. O pequeno sempre observa as pessoas mais velhas e tenta copiar suas atitudes. Você pode estimular essa habilidade brincando de imitação. Pegue dois copos plásticos e dê um para o seu filho. Mostre a ele como segurar o objeto. Depois, finja que está bebendo algo e incentive o seu pequeno a fazer o mesmo.

Para que as crianças tenham um bom desenvolvimento em todos os aspectos, é importante estimular suas capacidades. Para ajudar nessa missão, o Kinedu é um grande aliado. No aplicativo, além de acompanhar o crescimento do seu filho, você encontra atividades para crianças de 1 ano e de outras idades.

Baixe o Kinedu gratuitamente AQUI. O app está disponível tanto para Android quando para iOS.